Homem faz comentário em reportagem e é preso pela Polícia Militar

O suspeito, que estava foragido da justiça, comentou ofensivamente a morte de um policial, vítima de acidente.
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

A Polícia Militar prendeu um homem de 37 anos por injúria após ele comentar ofensivamente em uma reportagem nas redes sociais. A prisão ocorreu na madrugada desta quarta-feira (04/11) no Bairro Nossa Senhora do Rosário, em Lagoa Formosa. O suspeito usou as redes sociais para ofender um policial que morreu num acidente de trânsito na BR-146.

Segundo informações do boletim de ocorrência, após um site divulgar a notícia da morte de um sargento da Polícia Militar nas redes sociais. O homem de 37 anos comentou a situação com os seguintes dizeres: “menos um porco”.

Ao consultar o perfil do suspeito na rede social, os policiais constataram que ele reside na cidade de Lagoa Formosa. De imediato, foi realizado o rastreamento, sendo ele localizado na própria residência. O pai dele atendeu a porta e permitiu a entrada dos policiais.

Ao ser questionado, o suspeito confessou que realizou o comentário ofensivo. Durante consulta ao sistema, os policiais também constataram que havia um mandado de prisão em aberto contra o suspeito. Diante do flagrante de injúria, o foragido da justiça foi preso e levado para a Delegacia de Polícia Civil de Patos de Minas.

QUAL SUA OPINIÃO ? COMENTE!

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
ATENÇÃO: Dê preferência em utilizar sua conta do Facebook ou Google para comentar. Comentários com cinco descutidas serão submetidos a moderação. Para denunciar um comentário, clique na bandeira vermelha.
Os comentários não refletem a opinião do portal. A responsabilidade dos comentários é integralmente de seus autores. O Patos Notícias se reserva ao direito de remover postagens que violem seus termos de uso ou as leis vigentes sem prévia notificação.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

REPORTAR ERRO

Sua privacidade é muito importante pra nós! Usamos cookies, rastreadores, para exibir anúncios e conteúdos com base em suas preferências. Os cookies não permitem acesso a informações particulares, como nome, endereço, etc. Conheça nossa política de privacidade e nossos termos de uso.