Universitários de Patos de Minas promoverão Hora do Planeta em Brumadinho

Os alunos do UNIPAM desenvolverão atividades junto a comunidade no dia 30 de março.
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Hora do Planeta é realizada anualmente por alunos do UNIPAM.
Foto: Lélis F. Souza (Arquivo/2017)

Após mais de 50 dias do rompimento da Barragem do Córrego do Feijão em Brumadinho, a comunidade ainda tenta superar a dor. Segundo o último levantamento divulgado pela Defesa Civil, em 23/03, eram 212 óbitos e 93 desaparecidos.

O Rio Paraopeba está tomado pelos rejeitos da barragem e obrigaram as autoridades a suspender a captação de água. O dano ainda não foi dimensionado, mas alguns ambientalistas referenciem-se a ele como um “rio morto”.

Sensibilizados, os acadêmicos dos cursos de Engenharia Ambiental e de Arquitetura e Urbanismo resolveram promover a ‘Hora do Planeta’ em Brumadinho. Os alunos do Centro Universitário de Patos de Minas (UNIPAM) irão partir rumo a cidade no dia 30 de março, sábado, e vão desenvolver atividades junto à comunidade local.

A Hora do Planeta é realizada anualmente desde 2007. Segundo Taís Meirelles, ativista e uma das lideres do movimento no Brasil, o evento objetiva sensibilizar a população em torno das mudanças climáticas e ambientais. “Hoje a Hora do Planeta mobiliza mais de 7 mil cidades, em 180 países. No Brasil já temos 51 cidades registradas que somarão 114 eventos” pontou ela.

A WWF (World Wide Fund for Nature), que organiza a Hora do Planeta, confirmou que o evento dos alunos do UNIPAM será o único a ser realizado em Brumadinho. Em Patos de Minas, ela é realizada desde de 2011 pelo Prof. Marlon Wender.

Prof. Tiago Santos e Souza – Coordenador do Curso de Engenharia Ambiental e Prof. João Paulo Alves de Faria respectivamente
Foto: Lélis F. Souza

Segundo o coordenador do Curso de Engenharia Ambiental, Prof. Tiago Santos e Souza, os alunos do sétimo período são os responsáveis por organizar a Hora do Planeta. Além deles. outros discentes se prontificaram a ajudar como é o caso do nono período.

Para o Prof. João Paulo Alves de Faria, coordenador do Curso de Arquitetura e Urbanismo, o aluno vai ter a oportunidade de sentir o clima do local e fazer uma imersão com a população. “Os alunos do quinto período desenvolvem um Projeto Integrador (PI) sobre habitações emergenciais logo a viagem permitirá uma reflexão a respeito de prevenção e atuação na área urbanística e ambiental” destacou ele.

A comitiva composta por cerca de 45 pessoas, entre alunos e professores, retornará a Patos de Minas no dia 31 de março. Posteriormente será desenvolvido um registro acadêmico. O formato, segundo a organização, ainda será definido, mas poderá ser uma exposição.

O reitor do UNIPAM, Prof. Milton Roberto de Castro Teixeira, enalteceu a importância da participação dos alunos em atividades sociais. “Fico muito feliz com isso. É um preocupar com outros fora de seu ambiente. A gente não está indo para uma festividade, a gente não está indo para momentos de alegria, a gente está indo para momentos de reflexão” disse ele.

QUAL SUA OPINIÃO ? COMENTE!

Os comentários não refletem a opinião do portal. Não nos responsabilizamos por eles e em caso de descontentamento use a opção “Denunciar ao Facebook”. Você está sujeito aos nossos Termos de Uso.

NOTÍCIAS RELACIONADAS