Uberaba sedia semana especial de atividades do movimento “Contrate uma empresa júnior”

Prefeitura de Uberaba, por meio da Sedec/Parque Tecnológico, é apoiadora da iniciativa.

Compartilhe

COMPARTILHE NAS REDES SOCIAIS!
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram

Uberaba sedia, nesta semana, ações do movimento “Contrate uma empresa júnior”, com diversos encontros e atividades com o objetivo de conectar as empresas juniores (EJs) ao mercado empresarial. A primeira ação foi nesta segunda-feira, com um bate papo online, e o cronograma segue até sexta. Os eventos são gratuitos e qualquer empresário interessado em conhecer o trabalho das EJs podem participar. A Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Turismo, por meio do Parque Tecnológico, é apoiadora da iniciativa e está acompanhando as novidades do evento, no auxílio do contato com a comunidade e empresários.

De acordo com o diretor-presidente do Núcleo de Empresas Juniores da Universidade Federal do Triângulo Mineiro (CENTRI/UFTM), Felipe Nabuco, em 2016 houve a primeira aprovação da Lei 3.267, que regulamenta as empresas juniores do país, ano em que aconteceu o lançamento da plataforma “Contrate uma empresa júnior”, que facilita a comunicação entre o mercado e as EJs.

“No mês de abril, aniversário da lei e da plataforma, são realizadas em todo o país ações especiais para divulgação e, no fim do mês, a semana do “Contrate uma empresa júnior”, simultaneamente em cidades do país inteiro. O tema da semana, neste ano, é ‘Como alavancar o seu negócio através do movimento Empresa Júnior’”, explica Felipe. “Nesta semana falamos realmente sobre tudo que está acontecendo no país, com ações para conseguir conectar o mercado de Uberaba com as empresas juniores”.

As ações tiveram início nesta segunda-feira, com um bate papo online via Facebook pela página do CENTRI/UFTM, com empresas que já realizaram projetos e tiveram impacto por meio do trabalho das empresas juniores. Já nesta terça-feira as empresas juniores participam do Startup Talks, do Zebu Valley, às 19h no Recanto da Praça.

Quarta-feira o encontro principal será no Praça Uberaba Shopping, onde as empresas juniores farão durante a tarde Fast Consults junto aos empresários, ou seja, oferecerão orientações e demonstrações de seus trabalhos para as empresas presentes. O momento também será de fechar negócios e projetos. No período da noite o evento será para apresentar as empresas juniores ao mercado e à comunidade. “Vamos falar sobre o que é o movimento, o que é a plataforma “Contrate uma EJ”, e teremos a apresentação das empresas juniores da Universidade, que mostrarão o que elas podem entregar à comunidade e seus cases”.

Quinta-feira será a vez do Door to Door, momento em que os consultores irão para a rua com o objetivo de fazer prospecções ativas indo até as empresas. “Serão cerca de 40 consultores em campo, indo em empresas da cidade toda para este contato direto”, explica Felipe. Finalizando a semana “Contrate uma empresa júnior”, haverá uma live a nível nacional que fecha o cronograma com participação de todos os envolvidos e interessados.

Felipe Nabuco explica que as empresas juniores são associações sem fins lucrativos, formadas por estudantes de graduação que visam colocar em prática todo o conhecimento adquirido em sala de aula, por meio de projetos e parcerias com empresas. “São projetos com excelente custo benefício, acessíveis e com qualidade, pois há a orientação dos professores doutores e mestres que já possuem o contato e experiência com o mercado, e todo apoio da Universidade e de seus laboratórios”.

A gestora do Parque Tecnológico, Raquel Resende, destaca que o crescimento do número de empresas juniores em Uberaba reflete a qualidade do portfólio e da diversificação do trabalho. “Temos empresas juniores em diversas áreas de atuação. Esta é uma ótima relação custo x benefício, e ao contratar uma empresa júnior você dá oportunidade para que os universitários possam aplicar na prática a teoria que vivenciam em sala de aula. São ganhos para a empresa, que está recebendo um serviço de excelente qualidade, e um ganho de se estar contribuindo para a experiência dos jovens. Todos ganham”, avalia Raquel Resende.

Segundo ela, nesta quarta-feira, um dos objetivos do Parque Tecnológico é convidar líderes e diretores de departamento dos Órgãos Públicos, além dos empresários de entidades privadas, para participar da atividade e conhecer as EJs. “Queremos contribuir nessas conexões e as empresas juniores podem oferecer muitos serviços não só para as empresas, mas também para o setor público”.

Vale explicar que o CENTRI/UFTM é o Núcleo de Empresas Juniores da Universidade Federal do Triângulo Mineiro, localizado em Uberaba e atuando também em Iturama, Minas Gerais. A missão do grupo é potencializar, alinhar e representar o MEJ UFTM. De acordo com Felipe Nabuco, no ano passado as empresas juniores do CENTRI/UFTM atenderam 113 projetos, e neste ano a perspectiva é de alcançar mais de 160 projetos a serem realizados. “Como não há fins lucrativos, todo o retorno financeiro é investido na capacitação dos membros. O movimento tem a missão de formar empreendedores comprometidos e capazes de transformar o Brasil”.

Luiza Carvalho – Jornalista
Fonte: ASCOM da Prefeitura de Uberaba

🔔 ATIVAR NOTIFICAÇÕES

QUAL SUA OPINIÃO? COMENTE!

Os comentários não representam a opinião do Patos Notícias. A responsabilidade pelos comentários é dos respectivos autores.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

NEWSLETTER

REPORTAR ERRO

Sua privacidade é muito importante pra nós! Usamos cookies, rastreadores, para exibir anúncios e conteúdos com base em suas preferências. Os cookies não permitem acesso a informações particulares, como nome, endereço, etc. Conheça nossa política de privacidade e nossos termos de uso.