Justiça ordena prisão de motorista de carreta que causou acidente no Peru

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

A Justiça do Peru decretou, nesta sexta-feira (5), a prisão preventiva, por nove meses, do motorista da carreta que provocou o acidente no qual um ônibus de passageiros caiu em um precipício e deixou 52 mortos e seis feridos na terça-feira, segundo o último boletim oficial.

Um tribunal da cidade de Huaral aceitou o pedido da promotoria contra o motorista Christian Quillahuamán. O acidente ocorreu no trecho da rodovia Pan-Americana Norte conhecido como Pasamayo, que fica ao norte de Lima.

A prisão preventiva faz parte da formalização da investigação preparatória do Ministério Público contra Quillahuamán pelo crime de homicídio culposo.

Segundo o relatório pericial, o motorista invadiu a pista contrária e trafegava em velocidade acima do permitido no trecho conhecido como Curva do Diabo.

A velocidade máxima neste local é de 45 quilômetros por hora (km/h), mas a perícia constatou que a carreta estava a uma velocidade superior a 60 km/h, segundo o Ministério Público peruano.

Edição:

Fonte: Agência Brasil

🔔 ATIVAR NOTIFICAÇÕES

QUAL SUA OPINIÃO? COMENTE!

Comments System WIDGET PACK

Os comentários não representam a opinião do Patos Notícias. A responsabilidade é integral do autor de cada comentário. Comentários ofensivos podem ser removidos sem autorização prévia. Ao comentar, você concorda com a Polícia de Privacidade e Termos de Uso.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

NEWSLETTER

REPORTAR ERRO

Usamos cookies para exibir anúncios e conteúdos com base em suas preferências.  Conheça nossa política de privacidade e nossos termos de uso.