Usuários de drogas teriam matado travesti para roubar, aponta PM

A vítima de 27 anos foi encontrada morta dentro de uma casa no bairro Santa Luzia em Patos de Minas nesta segunda-feira (07/03).
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
A vítima foi atingida com golpes de machadinha e “capacetadas”.
Foto: Igor Nunes/Patos Notícias

Patos de Minas – A travesti morta com golpes de machadinha teria sido vítima de latrocínio, segundo a Polícia Militar. Glaudston Henrique Teixeira Gomes, tinha 27 anos e se apresentava como “Duda Marins”.

Segundo o Tenente Daniel, os policiais compareceram numa casa usada para consumo de entorpecentes na Rua Paraíba, no bairro Santa Luzia, na manhã desta segunda-feira (07/03). A vítima estava no interior do imóvel, seminua e em óbito. Ela apresentava ferimentos na cabeça.

O perito da Polícia Civil encontrou uma machadinha suja de sangue entre as pernas da vítima. Ele constatou que ela foi golpeada com esta arma e também com um capacete que estava no local. Um suspeito do crime foi identificado e seria o morador da casa. Pelo menos três pessoas podem ter participado do crime.

Ainda segundo o Tenente Daniel, o celular da vítima foi encontrado na casa do tio do suspeito. Informações, repassadas à polícia, indicaram que a travesti estaria com cerca de R$ 3 mil em dinheiro.

A principal suspeita é que, após fazer o uso de entorpecentes, os usuários de drogas mataram a vítima e levaram o dinheiro e o celular.

Testemunhas apontaram que a vítima não convivia com os suspeitos. Até o momento, ninguém foi preso e a Polícia Militar segue empenhada nas buscas. O corpo da vítima foi levado para o Instituto Médico Legal (IML) de Patos de Minas. Segundo os peritos, não havia lesões de violência sexual.

QUAL SUA OPINIÃO? COMENTE!

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
A responsabilidade pelos comentários é dos respectivos autores. Eles não representam a opinião do Patos Notícias. Comentários com 15 votos negativos a mais que positivos são removidos.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

NEWSLETTER

REPORTAR ERRO

Usamos cookies para exibir anúncios e conteúdos com base em suas preferências.  Conheça nossa política de privacidade e nossos termos de uso.