Bola é condenado por matar motorista

Julgamento durou dois dias e aconteceu no Fórum Lafayette na capital mineira.
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

O ex-policial, Marcos Aparecido dos Santos, o Bola, foi condenado a 16 anos de prisão pela morte de um motorista. Além dele, o mandante do crime também sentou no banco dos réus.

A vítima estaria tendo um caso com a esposa do mandante, um comerciante. O crime aconteceu em 2009 em Belo Horizonte.

Marcos Aparecido também foi condenado por envolvimento na morte de Eliza Samúdio, ex-companheira do goleiro Bruno.

O advogado de Bola declarou que irá recorrer de sentença.

 

QUAL SUA OPINIÃO ? COMENTE!

Os comentários não refletem a opinião do portal. Não nos responsabilizamos por eles e em caso de descontentamento use a opção “Denunciar ao Facebook”. Você está sujeito aos nossos Termos de Uso.

NOTÍCIAS RELACIONADAS