Zema diz que prioriza respiradores e UTIs ao ser questionado sobre testes

Governador disse que o estado tem poucos recursos e que os testes não salvam vidas.

Compartilhe

COMPARTILHE NAS REDES SOCIAIS!
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram

Em entrevista exclusiva ao Triângulo Notícias o governador de Minas Gerais, Romeu Zema, declarou que o estado está com poucos recursos financeiros e que o investimento prioritário é com respiradores e UTIs. Ao ser questionado sobre os testes de covid-19, ele respondeu:

Em Minas Gerais, com toda certeza, nós gostaríamos de fazer um número muito maior de testes, temos recebido um número maior do Ministério da Saúde e o ideal seria nós testarmos os 21 milhões de mineiros, se possível duas, três vezes por semana, mas infelizmente não é possível. E nós ainda temos uma limitação financeira e o pouco recursos que o estado tem, eu fiz questão de destinar para respiradores e UTIs que salvam vidas. Os testes ajudam a mapear a doença mas não são capazes de salvar vidas.

Ao final, Zema destacou que quem tem sintomas deve procurar uma unidade de saúde, porque há testes disponíveis.

Assista a seguir:

Assista a entrevista completa neste link.

QUAL SUA OPINIÃO? COMENTE!

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

NEWSLETTER

REPORTAR ERRO

Sua privacidade é muito importante pra nós! Usamos cookies, rastreadores, para exibir anúncios e conteúdos com base em suas preferências. Os cookies não permitem acesso a informações particulares, como nome, endereço, etc. Conheça nossa política de privacidade e nossos termos de uso.