Vendas no Natal registram aumento 5,6% e resultado supera três anos seguidos de queda

Segundo economistas da Serasa Experian, o estímulo das vendas foi causado pelo bom desempenho dos níveis de confiança e a retomada do crédito.
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Foto: Reprodução

Durante a semana do dia 18 a 24 de dezembro de 2017, as vendas do comércio registraram um crescimento de 5,6%, em relação ao mesmo período do ano passado. De acordo com o indicador da Serasa Experian, o resultado foi o melhor desde 2011, e superou três anos consecutivos de queda.

Entre 22 e 24 deste mês, a elevação da taxa de vendas no setor foi de 0,8%, quando a comparação é feita com o final de semana de Natal do ano anterior, que foi de 16 a 18 de dezembro de 2016.

Em São Paulo, por exemplo, a alta nas vendas durante a última semana foi de 5,2%, frente a 2016. No final de semana, o salto foi de 0,6% a mais do que no mesmo período do ano passado.

Segundo economistas da empresa que avalia a situação dos negócios no País, os motivos que elevaram as vendas do comércio neste Natal foram o bom desempenho dos níveis de confiança e a retomada da expansão do crédito com a queda gradativa a taxa de juros ao longo dos últimos meses.

Outro balanço divulgado nesta terça-feira (26) pela Associação Brasileira de Lojistas de Shopping (Alshop) mostra que as vendas nos shoppings centers tiveram crescimento de 6%, no período do Natal, sem considerar a inflação. O resultado é em relação ao mesmo período do ano passado. Para este ano, o faturamento estimado do varejo foi de R$ 51,2 bilhões.

Reportagem: Marquezan Araújo

🔔 ATIVAR NOTIFICAÇÕES

QUAL SUA OPINIÃO? COMENTE!

Comments System WIDGET PACK

Os comentários não representam a opinião do Patos Notícias. A responsabilidade é integral do autor de cada comentário. Comentários ofensivos podem ser removidos sem autorização prévia. Ao comentar, você concorda com a Polícia de Privacidade e Termos de Uso.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

NEWSLETTER

REPORTAR ERRO

Usamos cookies para exibir anúncios e conteúdos com base em suas preferências.  Conheça nossa política de privacidade e nossos termos de uso.