Temer participa de reunião do Conselho Militar de Defesa em Brasília

Compartilhe

COMPARTILHE NAS REDES SOCIAIS!
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram

 

Brasília - O presidente Michel Temer participa da cerimônia de divulgação do Plano de Negócios e Gestão 2018-2022 da Petrobras (Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil)

O encontro ocorre dias após o presidente decretar intervenção federal na segurança pública do Rio de JaneiroFabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

O Conselho Militar de Defesa está reunido nesta manhã (22), no Ministério da Defesa, com a presença do presidente Michel Temer. O encontro ocorre dias após o presidente decretar intervenção federal na segurança pública do Rio de Janeiro. 

Na reunião serão discutidos assuntos como o orçamento das Forças Armadas em 2018, projetos estratégicos, base industrial de defesa e nova governança para o programa espacial brasileiro, de acordo com o Ministério da Defesa. Também será apresentado um balanço das ações de Defesa em 2017 e perspectivas para este ano. 

Essa é a primeira vez que um presidente da República faz visita oficial ao Ministério da Defesa e participa de uma reunião do Conselho. Geralmente, reuniões com o presidente ocorrem no Palácio do Planalto.

O Conselho Militar de Defesa faz assessoramento direto à presidência com relação a normas gerais relacionadas à organização, preparo e emprego das Forças Armadas. A presidência é do ministro da Defesa, Raul Jungmann. Participam da reunião  o ministro do Gabinete de Segurança Institucional da Presidência da República, Sérgio Etchegoyen; o Comandante do Exército, General Eduardo Dias Villas Boas; o Comandante da Marinha, Almirante de Esquadra Eduardo Leal Ferreira; o Comandante da Aeronáutica, Tenente Brigadeiro do Ar Nivaldo Luiz Rossato; e o Secretário-Geral do Ministério da Defesa, general do Exército Joaquim Silva e Luna.

FONTE: Agência Brasil

QUAL SUA OPINIÃO? COMENTE!

guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
A responsabilidade pelo comentário é totalmente do respectivo autor. Comentários com 15 votos negativos a mais que positivos serão removidos automaticamente. Achou um comentário ofensivo? Clique em "denunciar".

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

NEWSLETTER

REPORTAR ERRO

Sua privacidade é muito importante pra nós! Usamos cookies, rastreadores, para exibir anúncios e conteúdos com base em suas preferências. Os cookies não permitem acesso a informações particulares, como nome, endereço, etc. Conheça nossa política de privacidade e nossos termos de uso.