Temer comemora dados positivos do Caged

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

O presidente Michel Temer comemorou os dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), do Ministério do Trabalho, divulgados hoje (22) pela pasta. O presidente destacou o saldo positivo de 137,3 mil carteiras de trabalho assinadas em setembro.

“É sinal de progresso no país, acerto na reforma trabalhista e de otimismo no país”, disse o presidente ao lado do ministro do Trabalho, Caio Vieira de Mello, em vídeo divulgado em sua conta no Twitter. O número celebrado por Temer é resultado de 1.234.591 admissões e 1.097.255 desligamentos no mês passado, o melhor resultado para setembro em cinco anos.

O acumulado de janeiro a setembro apresenta acréscimo de 719 mil vagas, um crescimento de 1,90%. O melhor desempenho no mês foi do setor de serviços, que abriu 60,9 mil novos postos de trabalho. Os grandes destaques deste setor foram o comércio e a administração de imóveis, valores mobiliários e serviço técnico, que abriu 25.872 postos, e os serviços de alojamento, alimentação, reparação, manutenção e redação, com 13.168 vagas.

O nível de emprego caiu apenas no setor da agropecuária, que demitiu 2.688 trabalhadores a mais do que contratou no mês passado. Tradicionalmente, setembro registra contratações pela indústria, que começa a produzir para o Natal. Em contrapartida, o mês registra demissões no campo, por causa da entressafra de diversos produtos.

*Colaborou Wellton Máximo – Repórter da Agência Brasil

QUAL SUA OPINIÃO ? COMENTE!

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
A responsabilidade pelo comentário é totalmente de seu respectivo autor. Comentários com 15 votos negativos a mais que positivos serão removidos automaticamente. Para denunciar um comentário ofensivo clique na bandeira vermelha.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

REPORTAR ERRO

Sua privacidade é muito importante pra nós! Usamos cookies, rastreadores, para exibir anúncios e conteúdos com base em suas preferências. Os cookies não permitem acesso a informações particulares, como nome, endereço, etc. Conheça nossa política de privacidade e nossos termos de uso.