Suspeito de tentar instalar vírus em caixas eletrônicos é preso pela PM de Rio Paranaíba

Também foram apreendidas porções de maconha. O homem foi encaminhado para a delegacia de plantão.
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
WhatsApp Image 2019-02-07 at 20.30.06
Foto: Cedida pela Polícia Militar ao Triângulo Notícias

A Polícia Militar de Rio Paranaíba registrou três tentativas de furto a caixas eletrônicos em agências do Sicoob, Bradesco e Caixa Econômica Federal. Os casos aconteceram nos dias 13 e 28 de janeiro. Segundo a corporação um indivíduo usando uma chave de fenda tentou violar os caixas, porém não conseguiu, fugindo sem êxito. Os dispositivos ficaram danificados.

Os militares conseguiram as características do sujeito e passaram a diligenciar no objetivo de identifica-lo e prendê-lo.

Nesta quinta-feira (07) os policiais de serviço, de posse de algumas informações, conseguiram identificar o suspeito e ainda encontraram sua residência. A partir dai, segundo informações da PM, foi solicitado ao poder judiciário um mandado de busca e apreensão para o apartamento.

WhatsApp Image 2019-02-07 at 20.30.07 (1)
Foto: Cedida pela Polícia Militar ao Triângulo Notícias

O suspeito de 35 anos recebeu os militares e confirmou, segundo informações da PM,  a prática dos crimes. Os equipamentos e ferramentas, supostamente utilizados no crime, foram entregues.

Além disso, foram apreendidas  60 gramas de maconha e alguns pés da mesma substância que estavam sendo cultivados em vasos de plásticos em um dos quartos do imóvel.

O suspeito ainda disse que sua intenção era instalar um aplicativo/vírus nos caixas eletrônicos e assim fazer com que o equipamento liberasse cédulas de dinheiro por aproximadamente 40 segundos. Declarou ainda que tal quantia não seria contabilizada nas contas dos clientes.

Diante dos fatos, o suspeito foi detido e encaminhado a delegacia para demais providências.

QUAL SUA OPINIÃO ? COMENTE!

Os comentários não refletem a opinião do portal. Não nos responsabilizamos por eles e em caso de descontentamento use a opção “Denunciar ao Facebook”. Você está sujeito aos nossos Termos de Uso.

NOTÍCIAS RELACIONADAS