Suspeito tentativa de estupro é morto por PM após fugir em São Gotardo

O policial relatou que o sujeito tentou se apoderar de uma pedra. O caso será investigado e poderá ser julgado pela Justiça Militar.
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

A Polícia Militar de São Gotardo registrou na noite do último domingo (13) uma tentativa de estupro. De acordo com informações da corporação, as guarnições fizeram contato com familiares da vítima que relataram que um jovem de 20 anos teria ‘estuprado’ a sua irmã de seis anos (por parte de pai).

Diante dos fatos a vítima foi encaminhada a cidade de Patos de Minas para procedimentos médicos para a confirmação ou não do estupro. Já o suspeito foi preso e conduzido para o quartel da PM.

A ocorrência foi finalizada por volta da 1h da manhã de segunda-feira (14). Foi feito contato com a delegacia de Polícia Civil em Patos de Minas, que se encontrava de plantão, porém foi orientado que o preso fosse mantido em São Gotardo, devido a questões de horários. Segundo a PM, caso fosse transportado o suspeito chegaria somente por volta das 4h.

No início da manhã os policiais conduziram o suspeito até a delegacia de São Gotardo, que já havia iniciado o atendimento. No local o flagrante teria sido ratificado e foi solicitado, aos militares, que conduzissem o jovem até o hospital para que fosse procedido o exame de corpo de delito, requisito para transferi-lo para a Penitenciária Nossa Senhora do Carmo.

Nas proximidades da viatura o suspeito, conforme relato do militar que fazia a condução, teria pedido para que fosse algemado pela frente. Quando uma das algemas foi destravada, o jovem empreendeu fuga e o PM gritou por apoio dos colegas, que se encontravam dentro da delegacia.

O militar correu atrás do suspeito e tentou agarrá-lo. Neste momento ambos caíram dentro de um buraco. Ainda conforme relato do PM, o indivíduo tentou tomar sua arma, porém sem sucesso.

O suspeito conseguiu se soltar, se abaixou e tentou pegar uma pedra (conforme relato do policial). Neste momento, o militar sacou sua arma e efetuou um disparo, segundo ele na intensão de se defender.

Os demais policiais chegaram ao local e socorreram o rapaz. Ele foi encaminhado até o Pronto Socorro local e em seguida foi transferido para Patos de Minas, porém não resistiu aos ferimentos e veio a óbito.

O policial que efetuou o disparo foi encaminhado ao quartel onde permaneceu a disposição para as apurações. Em contato nesta manhã (15) foi informado que o mesmo foi liberado. O caso será investigado e poderá ser julgado pela Justiça Militar.

QUAL SUA OPINIÃO ? COMENTE!

Os comentários não refletem a opinião do portal. Não nos responsabilizamos por eles e em caso de descontentamento use a opção “Denunciar ao Facebook”. Você está sujeito aos nossos Termos de Uso.

NOTÍCIAS RELACIONADAS