Setembro Amarelo e os ODS

Em defesa da vida e no combate ao suicídio, monumentos e prédios no mundo todo ganham iluminação especial.
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Dez de setembro, Dia Mundial para Prevenção do Suicídio, uma data para lembrar a importância de falar, esclarecer, conscientizar e estimular o diálogo a respeito do tema, além de promover ações efetivas para o combate ao suicídio.

- Continua depois da publicidade -

Monumentos e prédios no mundo inteiro iluminam-se na cor amarela no mês de setembro, num gesto de apoio à campanha Setembro Amarelo, iniciativa mundial que visa alertar e conscientizar a população a respeito do suicídio e suas formas de prevenção. No Brasil, a campanha é organizada desde 2014 pela Associação Brasileira de Psiquiatria (ABP) em parceria com o Conselho Federal de Medicina (CFM) e ganha força com a adesão de monumentos históricos, pontos turísticos, espaços públicos e privados, além do apoio da sociedade e de pessoas que participam de caminhadas e realizam ações de conscientização sobre o tema.

Iluminação especial

O Templo da Boa Vontade (TBV), uma das Sete Maravilhas de Brasília, também aderiu mais uma vez à campanha. Conhecido como Pirâmide da Paz, o monumento é o local mais visitado da capital brasileira, segundo dados da Secretaria de Estado de Turismo do Distrito Federal (Setur-DF). Todos os anos, além de receber iluminação especial na cor amarela, o TBV promove ações de conscientização. Por conta do distanciamento social, neste ano, a programação será on-line, e todos os dias, às 18 horas, ocorrerá uma Corrente Ecumênica de Orações em favor da vida, que poderá ser acompanhada acessando o site boavontade.com/tv.

Também vão receber iluminação especial no dia 1º de setembro, às 19 horas, o Conjunto Educacional Boa Vontade (formado pela Supercreche Jesus e pelo Instituto de Educação José de Paiva Netto), em São Paulo/SP, e o Centro Educacional da Legião da Boa Vontade (LBV) no Rio de Janeiro/RJ.

Dados

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), no mundo, são registrados, todos os anos, aproximadamente 1 milhão de casos de óbitos por suicídio e, no Brasil, cerca de 12 mil. O número é bem maior por causa da subnotificação, que ainda é uma realidade. Em todo o mundo, ocorre uma morte a cada 40 segundos, e quase 100% dos casos de suicídio estavam relacionados a transtornos mentais. Em primeiro lugar está a depressão, seguida do transtorno bipolar e do abuso de substâncias.

Covid-19

Em maio deste ano, a Organização das Nações Unidas (ONU) divulgou o “resumo de políticas sobre a Covid-19 e a saúde mental”. Os relatórios indicaram um aumento nos sintomas de depressão e ansiedade em vários países, e a ONU destacou a necessidade de aumentar urgentemente o investimento em serviços de saúde mental. Pesquisas também têm apontado que o medo de contágio pelo novo coronavírus, o isolamento social, a separação de pessoas queridas, o desemprego, a perda de renda ou de membros da família entre outros fatores corroboram para o aumento dos transtornos mentais, acarretando abalos psicológicos para muitas pessoas em todo o mundo.

ODS

A boa saúde mental é fundamental para o bem-estar de todas as pessoas e sociedades. Por isso, vale lembrar que o terceiro dos 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), “Saúde e bem-estar”, visa assegurar uma vida saudável e promover o bem-estar para todas e todos, em todas as idades. Os ODS foram estabelecidos pela ONU e fazem parte de uma agenda global adotada em 2015 por chefes de Estado e de Governo e altos representantes de países do mundo todo, os quais se comprometeram a alcançar o desenvolvimento sustentável nas suas três dimensões — econômica, social e ambiental — de forma equilibrada e integrada até 2030. ​

- Continua depois da publicidade -

QUAL SUA OPINIÃO ? COMENTE!

Os comentários não refletem a opinião do portal. Não nos responsabilizamos por eles e em caso de descontentamento use a opção “Denunciar ao Facebook”. Você está sujeito aos nossos Termos de Uso.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

- Continua depois da publicidade -