Sanofi Pasteur submete nova vacina contra gripe exclusiva para idosos para aprovação da ANVISA

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Imunizante com maior quantidade de antígenos aumenta a proteção contra influenza em  pessoas a partir de 65 anos

Resultado de imagem para vacinas idosos
Foto: Divulgação

A Sanofi Pasteur acaba de submeter uma solicitação de registro à ANVISA de uma nova vacina contra gripe desenvolvida exclusivamente para idosos. A vacina apresentou-se 24,2% mais eficaz na proteção contra a gripe em comparação à vacina contra influenza trivalente aprovada atualmente no Brasil, e reduziu 39,8% das pneumonias nesta população.
A vacina foi lançado nos Estados Unidos em 2010, e desde então, mais de 67 milhões de idosos já foram protegidos com este novo produto. “O Brasil tem uma população idosa crescente que precisa se proteger contra a gripe e muitos serão beneficiados com a chegada desta vacina inovadora”, pontua Hubert Guarino, diretor geral da Sanofi Pasteur.
Com o envelhecimento, foi descoberto que ocorre um declínio da função imunológica, o que significa que a resposta de anticorpos após o recebimento da vacina tradicional contra a gripe não é tão alta quanto costumava ser. A nova vacina foi desenvolvidada e produzida para pessoas a partir de 65 anos e ajuda a promover uma resposta imune mais efetiva do que a vacina contra influenza trivalente disponível hoje no mercado. A sua eficácia, quando comparada à vacina trivalente atualmente disponível, demonstrou superioridade de 36,4% em temporada com alta circulação do vírus H3N2, o tipo de influenza com maior prevalência no ano estudado. 
A vacina protege contra os vírus Influenza A H1N1, Influenza A H3N2, e um tipo de Influenza B, de acordo com a recomendação anual da Organização Mundial da Saúde (OMS).

Déborah Santos

Triângulo Notícias
11/05/2017

QUAL SUA OPINIÃO ? COMENTE!

Os comentários não refletem a opinião do portal. Não nos responsabilizamos por eles e em caso de descontentamento use a opção “Denunciar ao Facebook”. Você está sujeito aos nossos Termos de Uso.

NOTÍCIAS RELACIONADAS