Rapaz é suspeito de matar o tio e agredir o pai com coronhadas em Patos de Minas

O homicídio foi registrado na noite de ontem (28) na Rua Vereador João Pacheco.
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

O efeito das drogas pode ter sido o estopim para uma tragédia ocorrida ontem a noite (28) no Bairro Brasil em Patos de Minas. Um rapaz de 21 efetuou vários disparos contra seu tio que faleceu.

Durante a execução do homicídio, o irmão da vítima, tentou salvá-lo mas não conseguiu. Se não bastasse, o jovem partiu para cima do pai e tentou matá-lo. O revólver ficou sem munição e diante disso o agressor passou a desferir coronhadas.

O senhor ficou ferido e foi socorrido as pressas pelo SAMU e encaminhado até o Pronto Socorro. Os policiais militares chegaram rapidamente ao local e dominaram o suspeito.

A perícia técnica da Polícia Civil compareceu ao local e procedeu com os trabalhos forenses. Imagens que circulam nas redes sociais, mostram o “suspeito” com o rosto ensaguentado, porém segundo a PM, o sangue era da segunda vítima.

O rapaz, que é, segundo familiares, usuário de drogas, foi conduzido preso. As motivações ainda serão elucidadas.

A Polícia Civil está atuando em regime de plantão devido a carência de combustível na cidade. As apurações investigativas complementares deverão serem iniciadas na próxima semana.

QUAL SUA OPINIÃO? COMENTE!

Os comentários não refletem a opinião do portal. A responsabilidade dos comentários é integralmente de seus autores. Comentários que são considerados como spam ou ofensivos devem ser denunciados diretamente ao Facebook. O Patos Notícias se reserva ao direito de remover postagens que violem seus termos de uso ou as leis vigentes sem prévia notificação. 

NOTÍCIAS RELACIONADAS

REPORTAR ERRO

Sua privacidade é muito importante pra nós! Usamos cookies, rastreadores, para exibir anúncios e conteúdos com base em suas preferências. Os cookies não permitem acesso a informações particulares, como nome, endereço, etc. Conheça nossa política de privacidade e nossos termos de uso.