Patos de Minas 

Provocação entre jovens pode ter sido estopim para homicídio

Jovem de 23 anos foi morto com seis tiros na orla da Lagoa Grande. Suspeito de 19 anos está foragido.
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Homicídio Orla da Lagoa Grande Patos de Minas domingo (5)
Ederson Nascimento Gomes tinha 23 anos e morava na Rua Roraima, bairro Vila Rosa
Foto: Igor Nunes (Patos Notícias)

Um jovem de 23 anos foi morto com seis tiros na orla da Lagoa Grande em Patos de Minas. O homicídio foi registrado por volta das 23h de domingo (14/11) na Rua Barão do Rio Branco, próximo a esquina com a Rua Maranhão.

Militares do Corpo de Bombeiros e socorristas do SAMU tentaram reanimar a vítima por cerca de 40 minutos. Apesar dos esforços, Ederson Nascimento Gomes não resistiu e faleceu. Ele foi atingido no tórax, na tíbia esquerda, no dedo do pé esquerdo e nos glúteos.

Segundo o boletim de ocorrência, a esposa de Ederson relatou que no sábado (13), o suspeito, de 19 anos, e a vítima discutiram, tendo evoluído para agressão. A motivação do atrito seria uma provocação por parte do suspeito que teria dito que a vítima “apanharia” da esposa por ter chegado tarde em casa.

Minutos antes do desfecho trágico, vítima e suspeito se encontraram na Rua Roraima, bairro Vila Rosa. Ainda conforme a esposa, o suspeito sacou uma pistola com mira laser e apontou na direção de Ederson.

Desesperada, a vítima correu pela Rua Roraima, sentido a Avenida Arlindo Porto, sendo perseguida pelo atirador. Instantes depois, o suspeito retornou e disse que havia matado Ederson.

Ainda de acordo com o boletim de ocorrência, a esposa de Ederson conseguiu contato e verificou que ele estava bem. Ela pediu que ambos se encontrassem na orla da Lagoa Grande. Durante o percurso, a mulher foi novamente abordada pelo suspeito. Através de ameaças de morte, ele a seguiu até a orla.

Já na Lagoa Grande, o atirador disse à Ederson: “você gostou de me bater, agora vamos acertar a diferença”. Na sequência, efetuou seis disparos e fugiu na direção do galpão do produtor.

A perícia recolheu seis cápsulas deflagradas na orla da Lagoa Grande. Já na Rua Roraima foram encontrados três cartuchos. Todos eram de calibre 9 mm.

Homicídio Orla da Lagoa Grande Patos de Minas domingo (5)
Vários policiais cercaram a casa onde o suspeito estaria se escondendo
Foto: Igor Nunes (Patos Notícias)

Os policiais foram até a residência de um casal conhecido do suspeito. Quando chegaram, ouviram o barulho de alguém pulando o muro. Em um dos quartos foi encontrada uma munição calibre 22. O morador negou a propriedade, sendo preso por posse ilegal.

O celular da vítima e outros quatro aparelhos, de testemunhas, foram recolhidos para perícia. Uma motocicleta furtada, em setembro, foi encontrada na casa da namorada do suspeito.

Até o fechamento desta edição, o suspeito do homicídio continuava foragido. O delegado de crimes contra a vida, Luís Mauro Sampaio, já iniciou as investigações. O próximo passo será coletar imagens de câmeras de segurança.

🔔 ATIVAR NOTIFICAÇÕES

QUAL SUA OPINIÃO? COMENTE!

Os comentários não representam a opinião do Patos Notícias. A responsabilidade pelos comentários é dos respectivos autores.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

NEWSLETTER

REPORTAR ERRO

Sua privacidade é muito importante pra nós! Usamos cookies, rastreadores, para exibir anúncios e conteúdos com base em suas preferências. Os cookies não permitem acesso a informações particulares, como nome, endereço, etc. Conheça nossa política de privacidade e nossos termos de uso.