Primeira dose da vacina contra covid-19 já foi aplicada em 72% das pessoas do grupo prioritário

Em Minas Gerais, 80% dos trabalhadores em saúde estão imunizados; vacinados acima de 60 anos são 56%.
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Com 7,9 milhões de vacinas contra covid-19 aplicadas no estado, 72% dos mineiros dos grupos prioritários já receberam a primeira dose e 34%, a segunda. A análise é da Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG), conforme dados do Vacinômetro disponibilizados até 11/6.

A maior cobertura é do grupo de trabalhadores em saúde. Destes, 80% estão imunizados, sendo que 100% receberam pelo menos a dose 1 (D1). Em seguida, estão os idosos acima de 60 anos, sendo 56% deles com o esquema vacinal completo e 97% vacinados com a primeira dose. O intervalo mínimo de aplicação entre as doses vai de 15 dias, para CoronaVac, até 12 semanas para Pfizer e AstraZeneca.

O avanço da vacinação também impactou positivamente nas internações e óbitos. Entre os dias 17 e 23 de janeiro deste ano, 84% das mortes eram de idosos com mais de 60 anos. No último levantamento feito pela pasta, entre os dias 30/5 e 6/6/2021, este número caiu para 46%. Os casos de internações devido ao agravamento pela doença também diminuíram nessa faixa etária no mesmo período: de 65% para 28% das internações.

A queda na proporção de óbitos e internações está diretamente relacionada ao aumento da cobertura vacinal no estado. “Um quarto dos mineiros já tomaram a primeira dose da vacina contra a covid-19”, aponta o secretário de Estado de Saúde de Minas Gerais, Fábio Baccheretti. “A nossa meta é que, entre outubro e dezembro, todas as pessoas em Minas Gerais, acima de 18 anos, já tenham recebido pelo menos a primeira dose”.

Para acelerar a imunização da população contra o SARS-CoV-2, após o término da vacinação dos trabalhadores da educação, conforme as orientações do Ministério da Saúde, 30% das vacinadas contra a covid-19 deverão ser destinadas aos grupos prioritários e 70% para as pessoas de 18 a 59 anos.

Mesmo com o progresso na imunização, alerta o secretário, é importante que a população continue com as medidas de segurança contra a disseminação da covid-19, como uso de máscara e álcool em gel 70%, além de evitar aglomerações.

Vacinação nos municípios

A média móvel de doses aplicadas em Minas Gerais era de 132.669 em 10/6. O dia com a maior média foi em 6/4, com 203.424 doses. Este dado está relacionado à quantidade de doses recebidas do Ministério da Saúde, que já enviou, até  momento, 11.301.220 doses de imunizantes.

Responsáveis pela execução da campanha de vacinação, pelo menos 48 cidades aplicaram mais de 90% das vacinas recebidas. As macrorregiões com maior percentual de aplicação são Noroeste (94%), Centro (91%) e Leste do Sul (90%). Na capital, 75% das doses recebidas foram usadas; em Juiz de Fora, 81%; em Uberlândia, 88%; Contagem, 80%; Montes Claros, Uberaba e Betim, 83%.

Na sexta-feira (11/6), o Governo de Minas distribuiu os 23º e 24º lotes de vacinas contra a covid-19 para as 28 Unidades Regionais de Saúde. Foram 600.260 doses – sendo 362.750 da AstraZeneca e 237.510 da Pfizer.

QUAL SUA OPINIÃO? COMENTE!

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

NEWSLETTER

REPORTAR ERRO

Sua privacidade é muito importante pra nós! Usamos cookies, rastreadores, para exibir anúncios e conteúdos com base em suas preferências. Os cookies não permitem acesso a informações particulares, como nome, endereço, etc. Conheça nossa política de privacidade e nossos termos de uso.