PRF de Patos de Minas corre risco de fechar, alerta inspetor

Concessão de rodovias pode tirar a Polícia Rodoviária Federal da BR-365.
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

A 10ª Delegacia de Polícia Rodoviária Federal (PRF) recebeu uma Moção de Aplausos da Câmara Municipal de Patos de Minas na tarde desta quinta-feira (02/12). Porém, apesar da homenagem, o inspetor Daniel Mota informou uma situação alarmante. A PRF pode deixar de existir na cidade, devido a concessão de rodovias.

Durante o pronunciamento, Daniel Mota ressaltou que a PRF vai perder trechos da BR-365 devido a concessão da rodovia ao Governo de Minas Gerais para privatização. “Por mais que tenho muita alegria em receber a moção de aplausos, estou aqui com maior preocupação por isso”, ressaltou.

Inspetor Daniel Mota entregou um ofício o qual explica como é feito a concessão de rodovias. Ele disse que não é contra a concessão, mas sim da perda de poder da PRF nos trechos.

Daniel ressaltou que a BR-365 é uma rodovia federal importante, liga o centro-oeste, o sudeste e o nordeste. “Se não tivermos como monitorar ela na íntegra, todos estes resultados que tivemos nos últimos três anos, não vão ocorrer mais”, alertou se referindo as apreensões de drogas.

A 10ª Delegacia de Polícia Rodoviária Federal é responsável pelo trecho que vai do trevo com a BR-040 até o trevo de acesso a Romaria. Nestes últimos três anos, a PRF realizou grandes apreensões de drogas na BR-365 e foi considerada a segunda delegacia com maior apreensão de drogas em Minas Gerais, perdendo apenas para Belo Horizonte. Em Patos de Minas, a PRF é a polícia que mais apreende drogas.

A 10ª DPRF recebeu uma moção de aplausos, indicação do vereador Cabo Batista.
Foto: CMPTM/reprodução.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

NEWSLETTER

REPORTAR ERRO

Usamos cookies para exibir anúncios e conteúdos com base em suas preferências.  Conheça nossa política de privacidade e nossos termos de uso.