Prefeitura desiste do retorno em junho e remarca para agosto presencialidade na rede municipal

A expectativa do município é vacinar todos os profissionais da educação antes do início das aulas.
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Ana Carolina, Sônia Silvério e Douglas Tavares (Foto: Igor Nunes)

A Prefeitura de Patos de Minas, através da secretária municipal de educação, Sônia Silveira, e da secretária municipal de saúde, Ana Carolina Magalhães Caixeta, promoveram na manhã desta sexta-feira (28/05) uma coletiva de imprensa para falar sobre o retorno às aulas presenciais da rede municipal de ensino. A data marcada para o início das aulas híbridas é 1º de agosto de 2021.

Sônia explicou que houve alguns fatores para que a data de retorno às aulas presenciais fossem em agosto. O primeiro deles é que a prefeitura está equipando todas as escolas para o retorno às aulas de maneira híbrida. Ela explicou que houve uma surpresa em algumas escolas, já que a parte elétrica não sustentou os equipamentos para a transmissão online.

Outro fator importante é a chegada do inverno. Ela explicou que uma simples coriza já é sintoma de COVID-19 e pode fazer com que o aluno se afaste da escola. O retorno dos alunos a sala de aula será de maneira híbrida, ou seja, escalonado uma semana sim e outra não.

Ana Carolina explicou sobre a vacinação dos professores e disse que deve começar assim que terminar a comorbidade. Ela explicou que os municípios que já começaram a vacinar os educadores, devem ter terminado a vacinação de pessoas com comorbidade acima de 18 anos.

A secretária de saúde também falou que o programa nacional de imunização não divulgou como será a vacinação dos profissionais da educação, mas ela acredita que será de forma escalonada, assim como foi feita com os profissionais da saúde.

Para os alunos retornar as aulas presenciais, os pais devem autorizar o filho através da assinatura de um termo. Há uma liberdade de escolha  de ir ou não a aula. Sonia explicou que a escola estará toda preparada com os protocolos e haverá toda atenção para o aluno que pode ter o sintoma. “Detectou o sintoma, chama a família (…) a escola vai preencher uma ficha e ao mesmo tempo aqueles colegas serão dispensados por 14 dias”, explicou.

Sonia disse ainda que serão cerca de 600 a 700 professores e ela acredita que cerca de quatro mil alunos devem voltar ás aulas de forma presencial. A secretária de educação disse também que não há previsão para o retorno às aulas nas CMEIs – Centro Municipal de Educação Infantil. Ela explicou que fica mais difícil para os professores e alunos das CMEIs em cumprir os protocolos, como distanciamento e uso de máscaras por exemplo.

Como as aulas hoje acontecem de forma online, a secretária explicou que o período letivo será normal, ou seja, deve começar em agosto e terminar em dezembro. Sônia disse ainda que o tempo de aula não foi definido, já que os alunos vão chegar separados, ou seja, alguns chegam às 07h e outros às 07h15, por exemplo.

A Prefeitura de Patos de Minas pede aos pais que ainda não receberam e não responderam a pesquisa de intenção de volta às aulas presenciais, para que procure a escola para responder o questionário. “Isso é muito importante para nós”, finalizou.

QUAL SUA OPINIÃO? COMENTE!

6 Comentários
O mais novo
Mais antigo mais votado
Inline Feedbacks
View all comments
Perito
Perito
28/05/2021 20:59

Vamos voltar em fevereiro… só que não. Voltaremos em abril… só que não. Vamos voltar em junho… só que não. Mas claro que vamos voltar em agosto… A gosto de deus.

APARECIDA
APARECIDA
28/05/2021 20:01

Sabe?acho que está todo mundo doido da cabeça…a pandemia nem acabou .e está chegando outra por aí..e tam querendo a volta das aulas ?é brincadeira….

Rogerio
Rogerio
28/05/2021 13:42

E o auxilio emergencial para as mães!! Principalmente das creches!!! Irá acompanhar, ser pago até o inicio das aulas!!! Lembrando q o valor não passa de 350 reais!!

Indignada
Indignada
28/05/2021 13:25

Eu não mando meus filhos nunca será que vcs não estão vendo que casos só estão subindo ou a prefeitura tá e querendo que nossas criancas peg amo covid morre pra ganha em cima ?? Cada morte por covid município ganha pode manda polícia conselho exército que eu não mando quero meus filhos vivos

PAULO HENRIQUE GOMES DE BRITO
PAULO HENRIQUE GOMES DE BRITO
28/05/2021 12:59

Vergonha! arrependido de ter votado nesse falcão,mudar o nome dele para fanfarrão.

Joana
Joana
28/05/2021 12:42

Parabéns a secretária Sônia Silveira pela decisão tomada nas escolas.
Estamos gostando muito do seu trabalho.

A responsabilidade pelo comentário é totalmente de seu respectivo autor. Comentários com 15 votos negativos a mais que positivos serão removidos automaticamente. Achou um comentário ofensivo? Clique em "denunciar".

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

NEWSLETTER

REPORTAR ERRO

Sua privacidade é muito importante pra nós! Usamos cookies, rastreadores, para exibir anúncios e conteúdos com base em suas preferências. Os cookies não permitem acesso a informações particulares, como nome, endereço, etc. Conheça nossa política de privacidade e nossos termos de uso.