Prefeitura de Arapuá decreta luto de três dias em decorrência do falecimento de jovens

O decreto foi publicado nesta quarta-feira (17). A administração municipal se solidarizou com os familiares e amigos dos jovens vitimados em trágico acidente na noite de ontem.
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Eduardo Cunha e Mateus Alves.
Foto: Arquivo Pessoal

A cidade de Arapuá amanheceu de luto nesta quinta-feira (17). A sociedade chora a perda de dois jovens de 21 e 18 anos que foram vitimados por uma fatalidade na noite de ontem. O prefeito de Arapuá, João Terto, decretou luto oficial de três dias.

Leia mais: Jovens perdem a vida em trágico acidente próximo a Arapuá

- Continua depois da publicidade -

Vice-Prefeito presta condolências

O vice-prefeito de Arapuá, Emílio Boaventura, lamentou a morte prematura dos jovens e publicou um nota em sua página na internet. Confira a íntegra abaixo.

É quase 1 hora da manhã e toda a cidade está acordada, incrédula , triste , abatida, aguardando os corpos chegarem para a inesperada despedida prematura de dois jovens alegres e “vivos”. Os galos estão cantando desde agora , e os cachorros latindo como se também não acreditassem. Sem falar que pouco mais cedo sem que houvesse uma nuvem, chuviscou, como se o céu chorasse. Nas ruas carros estacionados fora da garagem, pessoas nas esquinas , luzes acesas em casas que em dias normais já estariam todos dormindo. Mas não será um dia normal para ninguém em Arapuá!

Se despedir de dois jovens que faziam parte do nosso dia a dia nunca será normal. Nos resta pedir a Deus que conforte o coração de todos nós , mas principalmente dos familiares. Teremos longas horas para sofrer a dor da despedida e refletir nosso futuro. Vão com Deus meus amigos Eduardo Cunha e Mateus Alves.

- Continua depois da publicidade -

QUAL SUA OPINIÃO ? COMENTE!

Os comentários não refletem a opinião do portal. Não nos responsabilizamos por eles e em caso de descontentamento use a opção “Denunciar ao Facebook”. Você está sujeito aos nossos Termos de Uso.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

- Continua depois da publicidade -