Policial salva mulher e mata agressor em Patrocínio

O militar se defendeu após o autor apontar uma arma de fogo em sua direção.

Compartilhe

COMPARTILHE NAS REDES SOCIAIS!
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Foto: Enviada por Internauta do TN

Patrocínio – Na tarde deste sábado (12/05) uma ocorrência de agressão a mulher foi registrada na cidade. Segundo a Polícia Militar, Douglas Humberto Correia, conhecido como Chacalzinho, agrediu sua companheira de 28 anos, na Av. General Astolpho Mendes com Rua Lauri Gonçalves, bairro Morada do sol, desferindo-lhe coronhadas na cabeça e em seguida evadiu do local em uma motocicleta.

Na sequência dos fatos, um militar de folga e em trajes civis, passou pelo local em seu veículo particular, momento em que se deparou com a vítima ensanguentada e pedindo por socorro.

De imediato o policial prestou assistência à mulher e acionou a viatura policial via 190, para atendimento do fato. A vítima por sua vez estava temerosa de que Douglas retornasse para matá-la uma vez que ele estava armado, motivo pelo qual o militar orientou que ela se deslocasse para sede do 46º Batalhão. 

Após a saída da vítima o PM embarcou em seu veículo e ligou novamente para a Sala de Operações para atualizar sobre o deslocamento da vítima para o quartel, momento em que observou pelo retrovisor do veículo que uma motocicleta se aproximava pela retaguarda, fato que elevou seu estado de alerta, levando-o a localizar e empunhar sua arma de fogo. O motociclista parou do lado do veículo e sacou uma pistola semiautomática apontando-a em direção ao militar e proferindo os dizeres “Qual foi. Perdeu. Perdeu”.

O PM de imediato sacou sua arma de fogo e efetuou quatro disparos, sendo que dois atingiram o tórax do motociclista. Só após o controle da situação verificou-se que o baleado tratava-se do autor da agressão. A Guarnição do Corpo de Bombeiros socorreu Douglas porém este deu entrada no Pronto Socorro Municipal já em óbito.

O homem tinha em seu poder uma pistola semiautomática calibre .380, municiada com nove cartuchos, e mais 12 cartuchos calibre .380 e uma porção de cocaína acondicionada nas vestes. Possuía antecedentes criminais por tráfico de drogas, porte ilegal de arma de fogo e embriaguez ao volante.

🔔 ATIVAR NOTIFICAÇÕES

QUAL SUA OPINIÃO? COMENTE!

Comments System WIDGET PACK

Os comentários não representam a opinião do Patos Notícias. A responsabilidade pelos comentários é dos respectivos autores.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

NEWSLETTER

REPORTAR ERRO

Sua privacidade é muito importante pra nós! Usamos cookies, rastreadores, para exibir anúncios e conteúdos com base em suas preferências. Os cookies não permitem acesso a informações particulares, como nome, endereço, etc. Conheça nossa política de privacidade e nossos termos de uso.