PM prende três suspeitos e apreende crack e maconha em Coromandel

Um indivíduo conseguiu fugir da abordagem e diligências seguem para localizá-lo.
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Foto: Divulgação (Polícia Militar/MG)

Na noite da última sexta-feira (18), a Polícia Militar recebeu denúncias de tráfico de drogas na Rua Jerônimo Rabelo.

Segundo o denunciante um indivíduo havia acabado de comprar drogas de traficante de 27 anos, e deslocado sentido a Avenida José Carneiro de Mendonça. Diante das informações foi montada uma operação batida policial para abordar tais indivíduos.

Uma guarnição PM conseguiu abordar o suspeito (de uso/consumo) L.A.M.S de 23 anos, localizando com ele uma porção de substância esverdeada semelhante a maconha, substância esta que ele tentou jogar ao solo durante a abordagem.

A guarnição deslocou então até Rua Jerônimo Rabelo e abordou A.C.C, suspeito de venda da droga. Durante a abordagem foi encontrado com ele a quantia de R$ 69,20.

Ainda durante a abordagem a guarnição recebeu novas denuncias de que a droga estava dentro da casa, sendo algumas no interior e outras escondidas no telhado. O denunciante informou ainda que é constante a movimentação de usuários do local para trocar aparelhos celulares por droga.

Em data anterior um usuário de drogas chegou no local com um botijão de gás que havia furtado nas imediações e trocou em drogas. Diante do flagrante delito, foi realizada a busca na residência, sendo localizadas seis buchas de maconha no quarto utilizado por A.C.C e seis pedras de substância semelhante ao crack que estavam no guarda-roupas de J.C.F.O. 37 anos, e outras 15 pedras de substância semelhante ao crack que estavam dentro de uma caixinha de cigarros e escondidas sobre o telhado.

Ainda durante as buscas foram encontrados vários aparelhos celulares, moedas e notas totalizando a quantia de R$ 192,00 que estavam dentro de uma mesa e um canivete com resquícios de substância semelhante à crack que era utilizado para a dolagem e que também foi localizado no quarto do J.C.F.O, o qual conseguiu fugir antes da abordagem policial.

A suspeita J.V.O., 32 anos, negou a propriedade do material que estava no interior da casa dela, mas não soube dizer de quem seria.

Diante ao exposto, foi dada voz de prisão aos três suspeitos (um por uso e dois por tráfico) e feita a apreensão dos materiais encontrados.

Realizado contato com o delegado de plantão, Dr. Edésio Justino, este determinou que todos os envolvidos fossem levados até a cidade de Patrocínio para elucidação dos fatos. O indivíduo foragido ainda é procurado pela polícia.

QUAL SUA OPINIÃO ? COMENTE!

Os comentários não refletem a opinião do portal. Não nos responsabilizamos por eles e em caso de descontentamento use a opção “Denunciar ao Facebook”. Você está sujeito aos nossos Termos de Uso.

NOTÍCIAS RELACIONADAS