Patrulha de Trânsito começa a funcionar em Patrocínio

A fiscalização colaborará para a diminuição dos acidentes na cidade.
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Foto: Divulgação (PMMG)

A Polícia Militar em Patrocínio está contando desde o dia 01 de junho de 2017 com um serviço ágil em patrulhamentos constantes pelas ruas da cidade através PATRAN (Patrulha de Trânsito) funcionando 24h e atendendo todos os bairros com rondas constantes, zelando pela ordem e respeito no trânsito.

O Sargento Jean, responsável por este Policiamento comentou sobre as ações para as quais a unidade se torna efetiva. “A PATRAN (Patrulha de Trânsito) vem trabalhando desde o dia 01 de junho do corrente ano, efetuando o patrulhamento, blitz diurna e noturna e fiscalizações no que se refere aos crimes de trânsito, além de apoio a outras viaturas em ocorrências diversas. Temos nos deparado com diversas infrações, dentre elas muitas pessoas inabilitadas, veículos com documentação irregular, embriaguez ao volante e diversos outros delitos”, disse.

- Continua depois da publicidade -

O policial mais uma vez reforçou o pedido de que a população colabore. “E como diz o Código Civil Brasileiro, temos que tomar providências como deve ser feito. Embutido a isto também estamos voltados para a área central da cidade. Estaremos atuando também nos demais municípios que compõe o 46º Batalhão de acordo com o planejamento da Unidade”. Conclui.

Denúncias de qualquer tipo, seja ela de infração de trânsito ou de outros seguimentos, podem ser repassadas pelo disque denúncias, 181 ou mesmo pelo 190 . Não é preciso se identificar. E lembramos que algumas placas já estão sendo cobrados documentos do exercício de 2017, são elas finais 1, 2, 3, 4 e 5. Já as placas finais 6, 7, 8, 9 e 0, começam a ser cobradas no dia 01 de julho de 2017.

ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO ORGANIZACIONAL – 46º BPM

- Continua depois da publicidade -

QUAL SUA OPINIÃO ? COMENTE!

Os comentários não refletem a opinião do portal. Não nos responsabilizamos por eles e em caso de descontentamento use a opção “Denunciar ao Facebook”. Você está sujeito aos nossos Termos de Uso.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

- Continua depois da publicidade -