Patos de Minas tem 10 novos casos de covid-19 em 24h

Quatro pessoas estão internadas e outras 35 se recuperam em casa.
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Coronavírus COVID-19 Patos de Minas
Foto: Vektor Kunst por Pixabay

Patos de Minas, no Alto Paranaíba, registrou dez novos casos de COVID-19 nas últimas 24 horas. Na quarta-feira (28) eram 48 confirmações, já nesta sexta-feira (29), o número subiu para 58.

Segundo os dados da epidemiologia da Secretaria Municipal de Saúde, quatro pacientes estão internados, sendo que três estão na UTI (Unidade de Terapia Intensiva). Outras 35 pessoas se recuperam em casa e estão de quarentena. O número de curados permaneceu em 18.

- Continua depois da publicidade -

Patos de Minas segue com uma única morte causada pelo novo coronavírus. Trata-se de um idoso de 79 anos que faleceu no dia 28 de março.

Minas Gerais registra até essa sexta-feira (29/05), 9.232 casos confirmados e 257 mortes.

Prevenção e Sintomas da COVID-19

Ainda não há vacina e nem tratamento específico contra a covid-19. As medidas preventivas são:

  • Evitar aglomerações;
  • Evitar contato físico (apertos de mãos, abraços e beijos);
  • Usar máscara cobrindo o nariz e a boca;
  • Lavar as mãos com água e sabão;
  • O álcool gel (70%) pode ser usado em situações quando não é possível lavar as mãos.

Os sintomas são os seguintes:

Sintomas mais comuns:
  • febre;
  • tosse seca;
  • cansaço.
Sintomas menos comuns:
  • dores e desconfortos;
  • dor de garganta;
  • diarreia;
  • conjuntivite;
  • dor de cabeça;
  • perda de paladar ou olfato;
  • erupção cutânea na pele ou descoloração dos dedos das mãos ou dos pés.
Sintomas graves:
  • dificuldade de respirar ou falta de ar;
  • dor ou pressão no peito;
  • perda de fala ou movimento.

Se você sentir esses sintomas, deve se isolar, ou seja, evitar contato com familiares, e usar rigorosamente a máscara. Você também deve notificar as autoridades de saúde do município.

QUAL SUA OPINIÃO ? COMENTE!

Os comentários não refletem a opinião do portal. Não nos responsabilizamos por eles e em caso de descontentamento use a opção “Denunciar ao Facebook”. Você está sujeito aos nossos Termos de Uso.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

- Continua depois da publicidade -