Patos de Minas está classificada na etapa estadual do X Prêmio Prefeito Empreendedor, realizado pelo Sebrae

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Patos de Minas foi classificada na etapa estadual do X Prêmio Prefeito Empreendedor, realizado pelo Sebrae. O prêmio pretende reconhecer a capacidade administrativa dos gestores públicos que tenham implantado projetos com resultados comprovados, ainda que parciais, de estímulo ao surgimento e ao desenvolvimento de pequenos negócios e à modernização da gestão pública. Neste ano, a X Edição do prêmio é dividida nas categorias: Políticas Públicas para Desenvolvimento de Pequenos Negócios; Cooperação Intermunicipal para Desenvolvimento Econômico; Compras Governamentais de Pequenos Negócios; Pequenos Negócios no Campo; Inovação e Sustentabilidade; Empreendedorismo na Escola; Desburocratização e Implementação da REDESIMPES; Inclusão Produtiva e Apoio ao MEI.

De acordo com a Coordenadora do Projeto Jovens Empreendedores, Sônia Porto, Patos de Minas concorre na categoria “Empreendedorismo na Escola”, com o Projeto “Jovens Empreendedores”, desenvolvido pela Secretaria Municipal de Educação (Semed), em parceria com o Sebrae e o Unipam, nas escolas da rede municipal e estadual, com alunos do 6º ao 9º ano. O intuito é realizar um trabalho que direcione os jovens do município para o mercado de trabalho e os ajude a trilhar o caminho da cidadania e da realização pessoal. Iniciado em 2013, com três escolas-piloto, o projeto envolveu 400 alunos que criaram 15 pequenas empresas. Agora, em 2018, projeto é desenvolvido em 13 escolas municipais e 15 estaduais, com mais de 5.000 alunos envolvidos.

- Continua depois da publicidade -

A Coordenadora informou ainda, que a classificação nesta etapa é um reconhecimento da atual Administração Municipal em continuar um projeto com resultados comprovados. Isso significa que a cidade está no caminho certo para atrair grandes empresas e fortalecer as empresas locais, contribuindo para abrir novas fontes de trabalho e geração de renda. “A educação empreendedora vai permitir que os alunos, pais e professores desenvolvam melhor sua comunicação, produzindo, com clareza, alternativas que estimulem o desenvolvimento humano. O empreendedorismo dentro das escolas não se foca nas bases econômicas, mas prioriza as pessoas. O ensino do empreendedorismo ajuda a desenvolver líderes e a motivar jovens a serem cada vez mais engajados em resolver problemas”, ressaltou Sônia.

Fonte: Prefeitura de Patos de Minas

- Continua depois da publicidade -

QUAL SUA OPINIÃO ? COMENTE!

Os comentários não refletem a opinião do portal. Não nos responsabilizamos por eles e em caso de descontentamento use a opção “Denunciar ao Facebook”. Você está sujeito aos nossos Termos de Uso.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

- Continua depois da publicidade -