Ovos de Páscoa viram cartão pré-pago como incentivo para funcionários

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Com a substituição, empresas podem ganhar em valores e logística de armazenagem

Foto: Divulgação

É só dar uma volta rápida pelos pontos de venda ou mesmo acessar a Internet e dar uma busca por ovos de Páscoa para se assustar com os preços oferecidos no mercado. A cada ano os valores sobem de forma desenfreada.
Como alternativa para presentear os funcionários nesta época do ano, as empresas vão atrás de custos menores e acabam por adquirir produtos talvez com uma qualidade inferior à que gostariam de ofertar neste período.
Analisando a situação e buscando uma solução eficiente, a Brasil Pré-Pagos criou o Cartão Incentivo de Páscoa. Um cartão pré-pago que pode ser utilizado da forma que o funcionário assim desejar. “A empresa compra o cartão e adiciona o valor que gostaria de presentear os seus colaboradores. Assim eles podem utilizar o cartão recebido com aquilo que desejam e ambas as partes ficam felizes ao final do processo”, afirma o Executivo de Negócios – Incentivo e Promoções da Brasil Pré-Pagos, José Victor Neto.
As empresas interessadas devem entrar em contato com a BPP por meio do site http://www.brasilprepagos.com.br/pascoa/ e solicitar uma cotação.
A partir da aquisição do cartão, a entrega é feita de forma rápida e com as melhores vantagens. “Nesta promoção estamos oferecendo taxa zero para as empresas que principalmente não precisam se preocupar com estoque e nem com a logística de armazenamento e ganham em agilidade entre solicitar e receber o lote que estiverem adquirindo. Também para o funcionário muita facilidade, já que não há burocracia. É receber e sair usando”, explica o executivo.
O cartão Incentivo de Páscoa pode ser encontrado em dois modelos e é aceito em todos os estabelecimentos comerciais que possuem a bandeira Visa.
Déborah Santos
Triângulo Notícias
10/04/2017

- Continua depois da publicidade -

QUAL SUA OPINIÃO ? COMENTE!

Os comentários não refletem a opinião do portal. Não nos responsabilizamos por eles e em caso de descontentamento use a opção “Denunciar ao Facebook”. Você está sujeito aos nossos Termos de Uso.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

- Continua depois da publicidade -