No Rio, Fundação do Câncer forma turma de técnicos em radioterapia

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

A turma de 21 técnicos em radiologia teve hoje (21) a cerimônia de formatura. Desenvolvido pela Fundação do Câncer, em parceria com a Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj) e o Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva (Inca), o curso faz parte da política do Sistema Único de Saúde (SUS) de qualificação de técnicos da área, uma das demandas do sistema.

No total, a maioria dos técnicos veio de outros estados: Roraima, Maranhão, Ceará, Alagoas, Bahia, Paraná, Rio Grande do Sul e Acre.

- Continua depois da publicidade -

Entre eles, está Ronilson Alves de Sousa, que veio do Maranhão, para participar da terceira turma do curso.

Para o técnico, que trabalha na Fundação Antonio Jorge Dino, em São Luís, referência no tratamento de câncer no Maranhão, o programa permite o acesso a conteúdos teóricos e também manusear os equipamentos. “Para quem trabalha com radioterapia, foi um privilégio, uma oportunidade única poder participar de um programa tão completo como esse da Fundação do Câncer. Hoje, eu me considero um técnico pronto para trabalhar, um técnico completo, com muita experiência em estágio e muito conhecimento teórico”

O coordenador científico do curso, Carlos Eduardo de Almeida, disse que os formandos deverão ser, nos hospitais onde atuam, replicadores do conhecimento. “Cheguem nas suas instituições, como eu disse hoje a eles, e tenham a sabedoria de transmitir o conhecimento recebido”.  

Curso

A cada seis meses, a fundação promove o curso. A próxima edição começará no dia 8 de janeiro, com duração até julho. Todos os alunos são técnicos em radiologia, treinados para trabalhar em radioterapia em tratamento de pacientes com câncer.

Os custos são pagos pelo Programa Nacional de Formação em Radioterapia. As aulas práticas e estágios supervisionados ocorrem em instituições e hospitais parceiros dos estados do Rio de Janeiro e Minas Gerais, como o Centro Universitário de Controle do Câncer (CUCC), da Uerj; o Hospital Universitário Clementino Fraga Filho, da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ); Hospital Naval Marcílio Dias; Instituto Oncológico-Hospital 9 de Julho, entre outros.


Problemas em visualizar essa matéria? Clique aqui e confira a íntegra.


Fonte: Agência Brasil

- Continua depois da publicidade -

QUAL SUA OPINIÃO ? COMENTE!

Os comentários não refletem a opinião do portal. Não nos responsabilizamos por eles e em caso de descontentamento use a opção “Denunciar ao Facebook”. Você está sujeito aos nossos Termos de Uso.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

- Continua depois da publicidade -