Não há previsão de quando será pago o 13º salário dos servidores de MG

Servidores estaduais estão preocupados com os atrasos no pagamento dos salários.
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Fernando Pimentel - Governador de MG
Gestão de Fernando Pimentel enfrenta uma crise financeira desde 2016. Foto: Reprodução (Agência Brasil)

A crise financeira de Minas Gerais está tirando o sono dos servidores. Os salários do mês de outubro só foram quitados nesta semana.

A preocupação dos servidores é com os proventos de novembro, dezembro, e ainda com o 13º salário, dinheiro usado, na maioria dos casos, para quitar dívidas do início de ano, como o IPVA, IPTU e material escolar.

As prefeituras mineiras estão ‘sobrevivendo’ devido ao não repasse de recursos pelo estado, fato que já provoca a interrupção de serviços, como transporte escolar, e até demissão de funcionários.

Na última quarta-feira (28/11), a Secretaria de Estado da Fazenda declarou que os débitos dos meses até outubro estão quitados, e agora trabalharão dia e noite para garantir os subsequentes.

Quanto ao 13º salário, não há previsão de quando será pago, bem como a forma, integral, parcial ou adiantamento. A equipe de transição do novo governador, Romeu Zema (NOVO), se reuniu com representantes da pasta para discutir como estarão essas pendências a partir de 1º de janeiro.

QUAL SUA OPINIÃO ? COMENTE!

Os comentários não refletem a opinião do portal. Não nos responsabilizamos por eles e em caso de descontentamento use a opção “Denunciar ao Facebook”. Você está sujeito aos nossos Termos de Uso.

NOTÍCIAS RELACIONADAS