Vitória! 

Na luta contra a leucemia, patense comemora 'a medula pegou'

Rodrigo Carvalho foi diagnosticado com leucemia mieloide aguda em maio.
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Rodrigo Carvalho leucemia Patos de Minas
Rodrigo Carvalho ao lado da equipe do Hospital Oncobio em Belo Horizonte
Foto: Arquivo Pessoal

Mais um capítulo da história de superação do patense Rodrigo Carvalho foi escrita no último domingo (14). O advogado de 26 anos que foi diagnosticado com leucemia mieloide aguda em 17 de maio e mobilizou toda região para doação, recebeu a notícia mais esperada: “a medula pegou”.

Durante a busca por um doador compatível, diversas campanhas foram realizadas, mas nenhum doador 100% compatível foi encontrado. Considerando a necessidade do transplante os médicos concluíram que o doador mais indicado seria o próprio pai. Marcelo Alves de Oliveira é 50 à 70% compatível com o filho. A retirada da medula aconteceu em 29 de setembro.

Rodrigo Carvalho contou que a medula doada foi preparada e o transplante  realizado em 21 de outubro.

No último domingo (14), o advogado patense recebeu a notícia que a ‘”medula pegou’’, e a novidade foi recebida com muita alegria por amigos e familiares de Rodrigo.

“Graças a Deus, o termo que os médicos usam aqui é a medula pegou, isso quer dizer que a medula do meu pai está produzindo os neutrófilos e leucócitos necessários e está substituindo a minha. É uma grande vitória! Eu, minha família e meus amigos temos muitos motivos para comemorar” afirmou Rodrigo.

O advogado relatou que o retorno para Patos de Minas deve ocorrer entre o final de janeiro e o início de fevereiro.

“A minha medula até demorou um pouco para pegar. Ela pegou no 24º dia após o transplante. Após o procedimento eu preciso ficar pelo menos 100 dias de restrição completa, devo ganhar alta ainda essa semana, mas devo permanecer até o centésimo dia em Belo Horizonte, vindo ao hospital todos os dias, acompanhando a contagem de leucócitos, neutrófilos, plaquetas e hemácias, isso porque ainda é um período de muito risco. Existe a possibilidade de enxertia, que é o enxerto se revoltar contra o corpo, ou seja, não aceitar a medula, mas o primeiro passo já foi dado. A primeira vitória Deus já concedeu!”

Durante entrevista, o advogado pediu que as orações continuem nesta nova etapa e agradeceu o apoio de toda a população de Patos de Minas. Emocionado com a notícia recente, Rodrigo Carvalho ressaltou a importância do apoio da família.

“Papai Marcelo, mamãe Lucileia estão radiantes, comemorando muito. Minha mãe também foi uma guerreira esteve aqui internada comigo, o dia toda reclusa aqui comigo. Meu pai está com o olhar brilhando mesmo, ele ainda não conseguiu expressar a alegria que está sentindo, estamos todos ainda anestesiados com a boa notícia. Mas graças a Deus foi uma vitória enorme. A toda população de Patos de Minas eu agradeço muito pelo engajamento, pelas mensagens e pelas orações. A gente tem muito o que comemorar neste momento e vamos para os próximos passos, porque como eu disse é tortuoso, mas o momento é de muita comemoração e já enche o coração de alegria e esperança para que logo tudo isso acabe e eu volte a minha vida normal junto com meu pai, minha mãe,” finalizou.

🔔 ATIVAR NOTIFICAÇÕES

QUAL SUA OPINIÃO? COMENTE!

Os comentários não representam a opinião do Patos Notícias. A responsabilidade pelos comentários é dos respectivos autores.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

NEWSLETTER

REPORTAR ERRO

Sua privacidade é muito importante pra nós! Usamos cookies, rastreadores, para exibir anúncios e conteúdos com base em suas preferências. Os cookies não permitem acesso a informações particulares, como nome, endereço, etc. Conheça nossa política de privacidade e nossos termos de uso.