Mulher faz depósitos e perde R$ 1,5 mil no golpe do falso empréstimo

O caso foi registrado em Patrocínio, no Alto Paranaíba.
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Patrocínio/MG – Na manhã da última terça-feira (15/09), uma mulher de 27 anos procurou a Polícia Militar e relatou ter sido vítima de estelionato. Ela fez uma simulação de empréstimo pela internet e acabou fazendo depósitos nas contas dos golpistas. O prejuízo total foi de R$ 1.549,88.

Segundo a ocorrência, ela iniciou uma conversa via WhatsApp com um indivíduo que se identificou como funcionário de uma assessoria de financiamento do banco.

A vítima se interessou por um empréstimo no valor de R$20.000,00 e lhe foi apresentada a proposta de pagamento do valor em 120 parcelas de R$ 248,00.

Ela aceitou e preencheu um contrato. O estelionatário solicitou a quantia de R$174,99 referente a um seguro. A vítima depositou o valor em uma conta em nome de uma pessoa desconhecida. Posteriormente, foi lhe solicitado que depositasse mais R$174,90, vindo a depositar.

Passado um tempo, um outro indivíduo informou à vítima que estavam com dificuldade em liberar o valor pois o score de seu CPF estava baixo, exigindo a ela que depositasse mais a quantia de R$ 700,00, para que o score aumentasse e fosse liberado o dinheiro. A vítima então depositou o valor na conta de outra pessoa, também desconhecida.

A vítima foi informada que assim que os R$ 700,00 caíssem na conta depositada, o valor do empréstimo seria liberado. Alguns dias depois, o autor entrou em contato novamente com vítima e informou que não tinha dado certo a liberação, pois ela deveria depositar imediatamente o valor de R$ 499,99, pois haviam alguns impostos atrasados em nome dela.

A vítima novamente depositou o valor solicitado na conta de um desconhecido. Assim que a vítima enviou o comprovante do depósito aos autores, foi informada que no dia 11/09/2020, a partir de 10h o dinheiro estaria em sua conta.

No dia informado, a vítima entrou em contato com o autor para confirmar se já poderia deslocar até a agência bancária para retirar o dinheiro, tendo sido informada que aconteceu um problema e que foi gerada uma duplicata, sendo necessário que ela depositasse mais R$ 700,00 para a liberação do dinheiro.

Nesse momento, a vítima teve certeza que havia caído em um golpe e não depositou o valor solicitado, avisando que deslocaria até a polícia para registro do fato. A partir desse momento, os autores não mais a responderam.

Os fatos foram registrados com todos os dados disponíveis para subsidiar a investigação, a fim de localizar e prender os autores.

A Polícia Militar alerta a comunidade que este tipo de golpe. É importante o cidadão ficar alerta e não fazer depósitos ou adiantamento de valores a fim de obter empréstimo pessoal, principalmente em transações originadas da internet ou de redes sociais. Sempre desconfie de exigências dessa natureza!

QUAL SUA OPINIÃO ? COMENTE!

Os comentários não refletem a opinião do portal. Não nos responsabilizamos por eles e em caso de descontentamento use a opção “Denunciar ao Facebook”. Você está sujeito aos nossos Termos de Uso.

NOTÍCIAS RELACIONADAS