Mulher é suspeita de atear fogo e matar ex-companheiro em São Gotardo

A Polícia Militar prendeu a suspeita em flagrante.
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Um homem de 37 anos morreu após lhe atearem fogo na manhã de sábado (22/05) no bairro Sol Nascente em São Gotardo, no Alto Paranaíba.

Segundo a Polícia Militar, o homem saiu na rua com o corpo em chamas e pediu socorro. Ele foi encaminhado para o Pronto Socorro Municipal de São Gotardo. Apesar dos esforços da equipe médica, ele não resistiu as queimaduras e faleceu no final da noite.

Os policiais militares compareceram ao local e flagram a suspeita, de 30 anos, ateando fogo nos pertences da vítima. Ela também apresentava forte odor de gasolina, sendo presa em flagrante.

O homem, ainda consciente no hospital, relatou que havia se separado da mulher, porém ela não concordou com o término do relacionamento e invadiu a residência. Ela teria ateado fogo contra a vítima usando gasolina.

As chamas foram controladas e a perícia procedeu com os trabalhos técnicos que ajudarão na elucidação do crime

O filho do casal, de 10 anos, que estava na residência, não sofreu ferimentos e foi entregue para um parente. A suspeita foi encaminhada para a delegacia de Polícia Civil em Patos de Minas.

QUAL SUA OPINIÃO? COMENTE!

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
A responsabilidade pelo comentário é totalmente de seu respectivo autor. Comentários com 15 votos negativos a mais que positivos serão removidos automaticamente. Achou um comentário ofensivo? Clique em "denunciar".

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

NEWSLETTER

REPORTAR ERRO

Sua privacidade é muito importante pra nós! Usamos cookies, rastreadores, para exibir anúncios e conteúdos com base em suas preferências. Os cookies não permitem acesso a informações particulares, como nome, endereço, etc. Conheça nossa política de privacidade e nossos termos de uso.