Mulher cai no golpe do bilhete premiado e perde mais de R$ 37 mil

O caso aconteceu na cidade de Patrocínio-MG. O golpe teria sido aplicado por um casal. Até agora, ninguém foi preso.
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
bilhete premiado - estelionato
Foto: Reprodução (Ilustrativa)

Uma senhora de 58 anos caiu no golpe do bilhete premiado na manhã de ontem, quinta-feira (11/07), em Patrocínio. Segundo informações da Polícia Militar, a vítima relatou que retornava a pé para sua residência momento em que foi abordada por uma mulher.

A estelionatária tinha aproximadamente 50 anos de idade, olhos e dentes grandes e vestia camiseta de cor branca e calça legging cor preta. A golpista carregava uma bolsa de cor preta e disse que era moradora da zona rural e não conhecia bem a cidade.

- Continua depois da publicidade -

Em seguida  relatou que possuía uma rifa premiada e que não sabia onde receber a premiação e solicitou a ajuda da vítima para encontrar. Neste instante um homem, magro, de aproximadamente 40 anos de idade, vestindo roupas estilo “cowboy”, com camisa cinza e carregando uma pasta preta, se aproximou das duas e participou da conversa.

O homem pediu para examinar a rifa e em seguida afirmou que se tratava de um bilhete da Loteria Federal e informou que o valor do prêmio era de oito milhões de reais. O indivíduo também informou que seria necessário mostrar ao gerente da Caixa Econômica Federal uma grande quantia em dinheiro para provar a veracidade do bilhete e prontificou a ajudar a mulher conseguir sua premiação. Ele abriu a pasta que carregava e mostrou uma grande quantia em dinheiro e se ofereceu para validar o bilhete e pediu que a vítima também ajudasse.

A mulher, dona do bilhete, prometeu que pela ajuda daria 10% do prêmio para a vítima. A vítima então deslocou em seu veículo levando os dois indivíduos até a Caixa Econômica Federal, onde sacou dois mil reais em dinheiro, contudo o homem informou que a quantia não seria o suficiente.

Em seguida se deslocaram até a residência da vítima, onde ela pegou sua caixa de joias, avaliadas em trinta mil reais, e entregou aos indivíduos. Na recipiente também havia quantia de 60,00 euros em dinheiro.

A estelionatária também pediu os dois anéis que a vítima usava, avaliados em cinco mil reais. Após conseguir o objetivo os criminosos fugiram e não foram mais vistos.

De acordo com a Polícia Militar, diligências foram feitas, porém sem sucesso. Quem tiver informações a respeito destes indivíduos deve denunciar através do 190 ou do 181 (Disque Denúncia Unificado).

Golpes deste estilo são frequentes. A população deve desconfiar nenhuma premiação é entregue mediante pagamento de taxa. Torpedos, mensagens em aplicativos e telefonemas informando de prêmios também são, na maioria dos casos, golpes.

- Continua depois da publicidade -

QUAL SUA OPINIÃO ? COMENTE!

Os comentários não refletem a opinião do portal. Não nos responsabilizamos por eles e em caso de descontentamento use a opção “Denunciar ao Facebook”. Você está sujeito aos nossos Termos de Uso.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

- Continua depois da publicidade -