Motorista faz conversão errada em trevo e provoca acidente

Picape foi atingida por uma moto. O motociclista ficou ferido.
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Picape foi atingida na lateral direita pela moto.
Foto: PMR/divulgação.

A Polícia Militar Rodoviária e a Polícia Rodoviária Federal foram acionados para registrar um acidente na manhã desta segunda-feira (01/11) na alça do viaduto da BR-365 com as rodovias coincidentes (BR-352 e BR-354), trecho conhecido como “Trevo da Pipoca” em Patos de Minas. A batida teria sido provocada por uma motorista que se confundiu ao realizar o contorno. Um motociclista ficou ferido.

Segundo informações da Polícia Militar Rodoviária, a condutora da picape, uma mulher de 66 anos, disse aos policiais que transitava pela BR-352/354, saindo de Patos de Minas sentido a Lagoa Formosa. Ao se aproximar do viaduto, ela se confundiu e acabou tentando acessar pela direita e pela contramão de direção a via/alça, do viaduto, que dá acesso a BR 365, onde foi atingida transversalmente pela motocicleta, que vinha transitando em sentido oposto.

O condutor da moto, um homem de 32 anos, caiu no chão e sofreu ferimentos na perna, no braço e apresentava suspeita de fratura no pé esquerdo. Antes de ser socorrido, ele confirmou aos policiais a versão da motorista.

Os veículos estava com a documentação regular, assim como os condutores. Ainda de acordo com a Polícia Militar Rodoviária, a placa de identificação da moto se soltou no acidente, mas foi possível realizar a consulta via sistema informatizado da polícia.

 

🔔 ATIVAR NOTIFICAÇÕES

QUAL SUA OPINIÃO? COMENTE!

Os comentários não representam a opinião do Patos Notícias. A responsabilidade pelos comentários é dos respectivos autores.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

NEWSLETTER

REPORTAR ERRO

Sua privacidade é muito importante pra nós! Usamos cookies, rastreadores, para exibir anúncios e conteúdos com base em suas preferências. Os cookies não permitem acesso a informações particulares, como nome, endereço, etc. Conheça nossa política de privacidade e nossos termos de uso.