Veja o vídeo 

Motorista bate em duas motos, foge e é preso por embriaguez

O condutor foi encontrado em casa e precisou de atendimento médico devido ao estado de embriaguez, diz a polícia.
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

A Polícia Militar foi acionada na tarde desta terça-feira (01-03) e registrou um acidente de trânsito na Avenida Fátima Porto. Imagem de uma câmera de segurança flagrou uma batida. O motorista da caminhonete, que provocou o acidente, foi preso por embriaguez.

As imagens mostram o momento que a caminhonete GM/S10 de cor prata atravessou a ponte que dá acesso a Avenida Ivan Borges Porto e bateu em uma motocicleta Yamaha/RD135 que seguia pela Avenida Fátima Porto. O detalhe foi que antes de atravessar a ponte, o motorista errou o trajeto e bateu na grade de proteção e por pouco não caiu dentro do córrego. Ele teve que fazer uma manobra de ré e depois atravessou a ponte.

Após o acidente o motorista da caminhonete fugiu do local. Uma testemunha o seguiu e passou as informações para os militares que foram para o endereço onde o motorista teria estacionado a caminhonete.

Na casa que fica na Rua Oscar Bomfim, no Bairro Valparaíso, os militares fizeram contado com o filho do motorista. Ele disse que o pai estava deitado no sofá e que estava passando mal. Autorizados, os militares entraram na casa e fizeram contato com o motorista, que apresentava visíveis sintomas de embriaguez. Segundo a Polícia Militar, o motorista não era capaz de conversar e mal conseguia ficar em pé.

Uma unidade do Corpo de Bombeiros esteve na casa e prestou socorro ao motorista, que foi levado para o Hospital Regional Antônio Dias, onde foi medicado e liberado.

A Polícia Militar entrou em contato com o condutor de 24 anos da motocicleta, que apresentava ferimentos leves. Ele disse que seguia pela Avenida Fátima Porto e ao passar pelo cruzamento com a Avenida Ivan Borges de melo, foi atingindo pela caminhonete que atravessou a ponte sem observar o fluxo de veículos.

Durante o registro da ocorrência, uma mulher de 50 anos, procurou os militares e relatou que antes desse acidente, o motorista da caminhonete havia batida na lateral da motoneta dela. A condutora disse ainda que após a batida, o motorista avançou o sinal o semáforo e seguiu o trajeto sem dar satisfação.

Diante dos fatos, após receber alta médica, o motorista que recusou a fazer o teste do etilômetro, foi detido e encaminhado para a delegacia de Polícia Civil.

QUAL SUA OPINIÃO? COMENTE!

1 Comentário
O mais novo
Mais antigo mais votado
Inline Feedbacks
View all comments
Chacal pcp
01/03/2022 22:58

Nao Tinha q responder só por embriagues,
Já q quando bebe já está automaticamente
Assumindo o risco de fazer mau a outros civis e condutores, se eh pego bêbado principalmente quando causa acidente já tinha q responder por tentativa de homicídio doloso quando já sai co intenção de matar.

A responsabilidade pelos comentários é dos respectivos autores. Eles não representam a opinião do Patos Notícias. Comentários com 15 votos negativos a mais que positivos são removidos.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

NEWSLETTER

REPORTAR ERRO

Usamos cookies para exibir anúncios e conteúdos com base em suas preferências.  Conheça nossa política de privacidade e nossos termos de uso.