Morre o policial militar reformado mais velho de Minas Gerais

Ele faleceu aos 105 anos de idade na cidade de Congonhas-MG.
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Foto: Arquivo Pessoal

Morreu na quarta-feira, 26/07, em Congonhas, o policial militar reformado mais velho de Minas Gerais, Antônio Augusto da Silva. Ele tinha 105 anos e estava internado no Hospital Bom Jesus para tratar de uma pneumonia.

Morador do bairro Ideal, o 3º sargento QPR, Antônio Augusto da Silva tinha 50 anos de aposentadoria e em 2015, foi agraciado com a Medalha Alferes Tiradentes, durante a solenidade em comemoração aos 240 anos da Polícia Militar de Minas Gerais. No mesmo ano, foi homenageado em solenidade do Dia do Soldado em um evento realizado na Igreja do Evangelho Quadrangular, no bairro Lamartine, em Congonhas.

- Continua depois da publicidade -

Carreira

Nutural de Carandaí, Antônio Augusto ingressou na Polícia Militar em 1936 e se mudou para Congonhas com a família por volta de 1951, mas desde jovem frequentava o Jubileu. Ao todo são sete filhos de dois casamentos, 21 netos, 13 bisnetos e um tataraneto. Em uma de suas lembranças antigas, Antônio Augusto contava que quando sofria com dores nos dedos das mãos e teve que ser operado, no Hospital Militar de Belo Horizonte, pelo um médico Juscelino Kubitscheck que viria a ser presidente do Brasil. Outra história é que ele enfrentou o bando de lampião, o cangaceiro doe Nordeste.

Fonte Lafaiete Agora

- Continua depois da publicidade -

QUAL SUA OPINIÃO ? COMENTE!

Os comentários não refletem a opinião do portal. Não nos responsabilizamos por eles e em caso de descontentamento use a opção “Denunciar ao Facebook”. Você está sujeito aos nossos Termos de Uso.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

- Continua depois da publicidade -