Ministros voltam a se reunir para avaliar ações e discutir prioridades

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Sob o comando do vice-presidente da República, Hamilton Mourão, começou há pouco no Palácio do Planalto a reunião do Conselho de Governo, formado pelos 22 ministros. De acordo com assessores, eles vão avaliar o primeiro mês de trabalho e discutir o andamento das ações previstas para os 100 primeiros dias de governo.

Uma das principais reformas a serem propostas, a da Previdência, deve ter destaque na conversa. O ministro da Economia, Paulo Guedes, tem conversado com dirigentes de outros Poderes para garantir que o texto encaminhado pelo Palácio do Planalto tenha rápida tramitação no Congresso. Guedes, que ontem (4) jantou com o presidente do Supremo Tribunal Federal, Dias Toffoli, para tratar do assunto, pretende conversar pessoalmente hoje (5) com os presidentes do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), e da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ).

Outra prioridade do governo para os primeiros 100 dias, a lei anticrime, teve o primeiro avanço ontem (4), quando o ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, apresentou os detalhes  do projeto que o governo enviará ao Congresso Nacional nos próximos dias. A proposta foi apresentada a governadores, a Rodrigo Maia, a à Frente Parlamentar de Segurança Pública da Câmara, composta por 299 deputados.

QUAL SUA OPINIÃO? COMENTE!

Os comentários não refletem a opinião do portal. A responsabilidade dos comentários é integralmente de seus autores. Comentários que são considerados como spam ou ofensivos devem ser denunciados diretamente ao Facebook. O Patos Notícias se reserva ao direito de remover postagens que violem seus termos de uso ou as leis vigentes sem prévia notificação. 

NOTÍCIAS RELACIONADAS

REPORTAR ERRO

Sua privacidade é muito importante pra nós! Usamos cookies, rastreadores, para exibir anúncios e conteúdos com base em suas preferências. Os cookies não permitem acesso a informações particulares, como nome, endereço, etc. Conheça nossa política de privacidade e nossos termos de uso.