Menina de 13 anos era estuprada e mantida em cárcere privado em Campo Florido; abusos podem ter durado quase 30 dias

A vítima foi encontrada em meio a um canavial. Ela estava chorando e contou que havia sido estuprada horas antes por um homem de 41 anos.
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Foto: Ilustrativa (Reprodução)

Uma adolescente de 13 anos foi encontrada chorando e desesperada em meio a um canavial no município de Campo Flórido. De acordo com informações da Polícia Militar, o conselho tutelar foi acionado por populares que avistaram a menor.

Os conselheiros conversaram com a garota e constaram que a mesma havia sido estuprada durante quase 30 dias. O principal suspeito é um homem de 41 anos. A vítima foi encontrada na segunda-feira (23/10) e alegou que era mantida em cárcere privado desde o dia 30 de setembro.

- Continua depois da publicidade -

Wender A.D. é apontado como o principal suspeito. Ele teria trancado a menina dentro de um quarto nos fundos de sua residência, as relações sexuais seriam diárias. A menor foi encaminhada para atendimento médico.

Foi feito contato com familiares, eles disseram que a garota havia fugido da casa onde morava com a mãe e o padrasto. De acordo com a genitora, a filha queria saber o nome do pai e ter o nome dele no seu registro de nascimento e diante da recusa resolveu fugir.

O caso será investigado pela Polícia Civil e a menor receberá acompanhamento psicológico.

Nota do Editor: As informações expressas foram obtidas junto à Polícia Militar e refletem a versão registrada no Boletim de Ocorrência. 

QUAL SUA OPINIÃO ? COMENTE!

Os comentários não refletem a opinião do portal. Não nos responsabilizamos por eles e em caso de descontentamento use a opção “Denunciar ao Facebook”. Você está sujeito aos nossos Termos de Uso.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

- Continua depois da publicidade -