Membros do Comitê Cidade Resiliente tomam posse em Patos de Minas

O Corpo de Bombeiros participa da Campanha da ONU "Patos de Minas Mais Resiliente 2030".
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Neste dia 21 de dezembro de 2021, em Patos de Minas/MG o 12º BBM participou da oficialização da Campanha Patos de Minas mais Resiliente 2030 e da posse dos membros do Comitê da Cidade Resiliente pelo Prefeito Municipal Luís Eduardo Falcão Ferreira. No contexto desta Campanha, ainda foi apresentado o Plano de Emergência Pluviométrica (PEP) 2021/2022 para o período de enfrentamento do período chuvoso.

Tais ações do Sistema Municipal de Proteção e Defesa Civil concentram-se nas estratégias que ampliem a capacidade das cidades de planejar, preparar, mitigar, responder, recuperar-se, adaptar-se e crescer após desastres, bem como o atendimento e resposta a desastres no município de Patos de Minas e região, conforme os parâmetros nacionais e internacionais para redução do risco de desastres da ONU.

De acordo com a doutrina mencionada, os membros do Comitê da Cidade Resiliente e do Conselho Municipal de Proteção e Defesa Civil foram nomeados, após chamamento, através de Portaria pelo chefe do Poder Executivo Municipal.

Dentre outras atribuições deste comitê cabe auxiliar nas decisões dos órgãos que compõem o sistema municipal de proteção e defesa civil para reduzir os riscos de desastres, provocados principalmente pelas mudanças extremas do clima, bem como possibilitar a gestão consciente e inteligente dos riscos de desastres.

O Corpo de Bombeiros Militar vem contribuindo para a consecução, em diversos municípios de Minas Gerais, dos dez objetivos essenciais estabelecidos pelas Nações Unidas para construção de cidades resilientes, inteligentes, sustentáveis e inclusivas.

Neste sentido, o 12º BBM tem se colocado como parceiro do Executivo Municipal, especialmente para o desenvolvimento da Campanha Patos de Minas mais Resiliente até o ano de 2030, a fim de tornar a cidade de Patos de Minas modelo em conformidade com os padrões internacionais das Nações Unidas para Redução do Risco de Desastres e para o desenvolvimento sustentável.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

NEWSLETTER

REPORTAR ERRO

Usamos cookies para exibir anúncios e conteúdos com base em suas preferências.  Conheça nossa política de privacidade e nossos termos de uso.