Médico de Minas Gerais destaca benefícios da vacinação contra HPV e Meningite C

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

O Brasil é o primeiro país da América do Sul e o sétimo do mundo a oferecer a vacina contra o HPV para meninos

Foto: Divulgação
 O HPV é um vírus que causa não só o câncer de colo de útero, mas também câncer de boca, câncer no pênis, câncer no ânus…Então é muito importante pro homem também se proteger do HPV. E, ele estando protegido do HPV, estará indiretamente protegendo também a sua companheira. Então, a introdução da vacina HPV nos meninos de 12 e 13 anos é importantíssima. 

Em relação à Meningite C, nós sabemos que é uma doença potencialmente grave. Alguns adolescentes que têm meningite pode vim a obtido, pode ter sequelas…E a meningite C nos adolescentes está estável no Brasil nos últimos anos, nem aumentando nem diminuindo. Essa vacinação, então, vai ser muito importante para meninos e meninas de 12 e 13 anos de idade para que eles fiquem protegidos da meningite.

- Continua depois da publicidade -
As vacinas são disponibilizadas gratuitamente pelo Ministério da Saúde. A meta é imunizar mais de sete milhões de adolescentes em todo o país. Então, não perca tempo: procure uma unidade de saúde e vacine-se! Não esqueça de levar a caderneta de vacinação

O vírus HPV causa, entre outras doenças, o câncer de útero, de pênis e de garganta. Devem ser imunizados meninos de 12 e 13 anos, além das meninas de nove a 14 anos. Os adolescentes de 12 e 13 anos, de ambos os sexos, também vão tomar a vacina contra a Meningite C, doença que pode provocar problemas neurológicos e até matar. Em Minas Gerais, 355 mil meninos devem fazer a prevenção neste ano. O doutor José Geraldo Leite, que é médico da Coordenação de Imunização do estado, destacou os benefícios da proteção.

Déborah Santos
Triângulo Notícias
07/04/2017

QUAL SUA OPINIÃO ? COMENTE!

Os comentários não refletem a opinião do portal. Não nos responsabilizamos por eles e em caso de descontentamento use a opção “Denunciar ao Facebook”. Você está sujeito aos nossos Termos de Uso.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

- Continua depois da publicidade -