Material de campanha irregular é apreendido no Diretório do PT em Uberlândia

Mandado de Busca e Apreensão foi cumprido pela Polícia Militar nesta manhã.
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Foto: Reprodução (Internet/WhatsApp)

A Polícia Militar, acompanhada de membros da Justiça Eleitoral, cumpriram nesta manhã (28), um mandado de busca e apreensão na sede do Partido dos Trabalhadores (PT) em Uberlândia.

O objetivo foi recolher material de campanha, no qual o ex-presidente da república, Luiz Inácio Lula da Silva, aparece como candidato. O político, que cumpre pena em Curitiba, teve sua candidatura rejeitada pelo TSE com base na lei da ficha limpa, clique aqui e relembre.

- Continua depois da publicidade -

Internautas compartilharam vários vídeos mostrando a ação da PM na sede no partido localizada no Bairro Aparecida, região central da cidade:

O Triângulo Notícias entrou em contato com a assessoria de imprensa do Diretório Estadual do PT em Belo Horizonte que se manifestou através de nota:

São fatos públicos que, até o dia 1º de setembro, Lula era o candidato do PT à Presidência da República. Esta condição permitia ampla propaganda eleitoral com seu nome. Desta forma, candidatos aliados poderiam, como fizeram, difundir seus materiais com nome, foto e número dele.

Ademais, estes materiais certamente foram encomendados antes do período referido, o que justifica a existência de eventuais remanescentes.

O PT informa, ainda, que tem expedido orientações a todos os seus candidatos para que fiquem atentos à determinação judicial acerca da cessação e recolhimento de eventuais sobras desses materiais.

- Continua depois da publicidade -

QUAL SUA OPINIÃO ? COMENTE!

Os comentários não refletem a opinião do portal. Não nos responsabilizamos por eles e em caso de descontentamento use a opção “Denunciar ao Facebook”. Você está sujeito aos nossos Termos de Uso.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

- Continua depois da publicidade -