Manifestantes pedem a abertura do comércio em Patos de Minas

Ato foi realizado no estacionamento da prefeitura.
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Foto: Lélis Félix (Triângulo Notícias)

Manifestantes se reuniram na tarde desta sexta-feira (27/03) na prefeitura de Patos de Minas e pediram a abertura do comércio. Eles fizeram um buzinaço no estacionamento do prédio e gritaram palavras de ordem pedindo o restabelecimento das atividades.

Segundo alguns participantes, o objetivo é a reabertura com medidas protetivas para evitar a aglomerações. Durante o ato foi solicitado que as pessoas permanecessem dentro dos carros para evitar a transmissão do coronavírus.

- Continua depois da publicidade -
Foto: Lélis Félix (Triângulo Notícias)

Os comerciantes, com exceção dos essenciais, estão paralisados desde o último sábado, 21 de março. Na sexta (20), o prefeito José Eustáquio publicou um decreto que prevê a suspensão das atividades até 31 de março como forma de conter a expansão do coronavírus.

Ainda na sexta (20), o governador de Minas Gerais publicou um decreto que fechou o comércio, exceto o essencial, em todo o território de Minas Gerais.

Desta forma, o comércio de Patos de Minas está impedido de abrir as portas através dos decretos municipal e estadual.

Assista aos vídeos:

Manifestação pela abertura do comércio em Patos de Minas.Saiba mais: https://triangulonoticias.com/manifestantes-pedem-a-abertura-do-comercio-em-patos-de-minas/

Posted by Triângulo Notícias on Friday, 27 March 2020

Manifestação pela abertura do comércio em Patos de Minas.Saiba mais: https://triangulonoticias.com/manifestantes-pedem-a-abertura-do-comercio-em-patos-de-minas/

Posted by Triângulo Notícias on Friday, 27 March 2020

Manifestação pela abertura do comércio em Patos de Minas.Saiba mais: https://triangulonoticias.com/manifestantes-pedem-a-abertura-do-comercio-em-patos-de-minas/

Posted by Triângulo Notícias on Friday, 27 March 2020

- Continua depois da publicidade -

QUAL SUA OPINIÃO ? COMENTE!

Os comentários não refletem a opinião do portal. Não nos responsabilizamos por eles e em caso de descontentamento use a opção “Denunciar ao Facebook”. Você está sujeito aos nossos Termos de Uso.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

- Continua depois da publicidade -