Mãe de 76 anos têm filhos ameaçados durante assalto a residência em Monte Carmelo

Três suspeitas foram identificadas e presas pela Polícia Militar. Elas teriam se aproveitado da situação das vítimas para agir. Parte do dinheiro foi recuperado.
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Uma mãe e dois filhos foram vítimas de criminosas na madrugada desta sexta-feira (21/09) em Monte Carmelo. Conforme apurado pelo Triângulo Notícias, junto a Polícia Militar, a residência deles foi invadida por volta da meia noite.

Em relato, a mulher de 76 anos, disse que estava deitada na cama quando ouviu um barulho vindo da cozinha (como se algo tivesse quebrado). Neste instante, ela gritou pelos filhos para saber o que havia ocorrido. A resposta que ela recebeu foi desesperadora: os gritos dos filhos.

Em um ação de instinto, ela se levantou e foi ver o que tinha acontecido. Ela se deparou com seus filhos e visualizou uma mulher pulando os muros do imóvel. Depois de se acalmarem, as vítimas relataram a genitora que outras mulheres tinham entrado no local e que uma delas estava armada com uma faca, tendo os ameaçado.

Uma das autoras teria pegado todo o dinheiro que encontrou. Quando ouviram o grito da mãe, vindo de um dos cômodos, elas evadiram do local.

A idosa, depois de amparar os filhos, constatou que a porta da cozinha tinha sido arrombada e que a quantia de aproximadamente 100,00 reais havia sumido.

Ao tomar conhecimento dos fatos, a Polícia Militar iniciou imediatamente rastreamentos e conseguiu localizar uma suspeita nas imediações. A mulher de 29 anos foi levada até a vítima que a reconheceu imediatamente e gritou “ela entrou na minha casa, prende ela”.

Questionada a suspeita do crime, disse que não entrou na casa e que a autoria do roubo teria sido de duas comparsas. Ela identificou essas duas mulheres e repassou o endereço das mesmas para os militares, que prosseguiram com as diligências.

Na Rua França, Bairro Montreal, a segunda suspeita de 20 anos foi encontrada. Com ela foi encontrada uma faca e a quantia de 99,50 reais em dinheiro. Perguntada pelos PMs, a mesma relatou que estava na companhia de uma terceira mulher.

As guarnições foram ao outro endereço, Rua Espanha no mesmo bairro. Essa terceira suspeita de 30 anos negou a autoria dos fatos e afirmou que viu as outras duas suspeitas pulando o muro de uma casa. Em certo momento, ela admitiu que recebeu o convite para participar de tal ação, mas recusou.

A fotografia das suspeitas foi mostrada aos irmão que reconheceram a mulher de 20 anos como sendo aquela que portava a arma branca.

A mãe possui uma deficiência física, uma de suas perna foi amputada, e os dois filhos, de 46 e 49 anos, apresentam necessidades especiais. As autoras do crime podem ter se utilizado desta situação para agir.

Os policiais entraram em contato com a delegada de plantão e explicaram a situação. Diante da dificuldade das vítimas se deslocarem até a delegacia em Patrocínio, foi orientado que o dinheiro apreendido fosse restituído a mulher.

As três suspeitas foram encaminhadas até a Polícia Civil, onde permaneceram a disposição das autoridades.

QUAL SUA OPINIÃO ? COMENTE!

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
A responsabilidade pelo comentário é totalmente de seu respectivo autor. Comentários com 15 votos negativos a mais que positivos serão removidos automaticamente. Para denunciar um comentário ofensivo clique na bandeira vermelha.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

NEWSLETTER

REPORTAR ERRO

Sua privacidade é muito importante pra nós! Usamos cookies, rastreadores, para exibir anúncios e conteúdos com base em suas preferências. Os cookies não permitem acesso a informações particulares, como nome, endereço, etc. Conheça nossa política de privacidade e nossos termos de uso.