Macron fará visita oficial aos EUA para dialogar com Trump

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Macron e Trump conversaram sobre mudanças climáticas, comércio e segurança

Macron e Trump já conversaram em Paris sobre mudanças climáticas, comércio e segurança Xinhua/Jack Chan/Arquivo

O presidente francês, Emmanuel Macron, aceitou o convite de seu homólogo americano, Donald Trump, para visitar os Estados Unidos de 23 a 25 de abril, anunciou a presidência francesa na noite de ontem, em um comunicado de imprensa. Segundo a nota, será a primeira viagem de Estado de Macron aos EUA e a primeira naquele país tendo Trump como anfitrião.. A informação é da agência chinesa Xinhua.

- Continua depois da publicidade -

“Este convite reflete a profundidade dos laços históricos entre os dois países, amigos e aliados, e a força das relações entre os dois presidentes”, afirmou a Presidência francesa.

Saiba Mais

O programa da visita oficial está em preparação e deverá incluir uma reunião de trabalho na Casa Branca, uma conferência de imprensa conjunta, várias cerimônias formais e um jantar de Estado, de acordo com a Presidência francesa.

A visita de Macron aos EUA já havia sido divulgada pelo ministro de Relações Exteriores francês, Jean-Yves Le Drian, no começo deste mês, mas sem dar uma data exata para a viagem, o que ocorreu ontem.

Desacordos

Trump convidou Macron a ir a Washington no último mês de janeiro, após ter sido recebido pelo presidente francês em Paris em 14 de julho passado, Dia da Bastilha, data nacional francesa.

Macron e Trump mantêm desacordos sobre diversos temas internacionais, como o Acrodo de Paris sobre as mudanças climáticas, o acordo sobre armas nucleares com o Irã e a recente decisão de Washington de transferir sua embaixada em Israel para Jerusalém.

* Com informações da Agência Brasil

Edição: Augusto Queiroz

FONTE: Agência Brasil

QUAL SUA OPINIÃO ? COMENTE!

Os comentários não refletem a opinião do portal. Não nos responsabilizamos por eles e em caso de descontentamento use a opção “Denunciar ao Facebook”. Você está sujeito aos nossos Termos de Uso.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

- Continua depois da publicidade -