Jovem tem dedo estrangulado por anel e é socorrido pelos Bombeiros

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Foto: Divulgação (Corpo de Bombeiros)

Na tarde do último sábado (27), um jovem procurou pessoalmente a sede do 12º Batalhão de Bombeiros de Patos de Minas, onde pediu ajuda para retirada de um anel que estava estrangulando o dedo médio de sua mão esquerda. Segundo o jovem, após várias tentativas frustradas de retirar o anel e devido ao dedo estar muito inchado, ele decidiu procurar a corporação.

Os bombeiros militares buscaram primeiramente fazer a retirada utilizando uma luva descartável que, passada por entre o anel e o dedo, possibilita que o anel seja puxado e retirado, mas como o dedo já estava muito inchado a técnica não surtiu efeito.

A saída foi cortar o anel, o que foi feito com segurança pelos militares com o uso de técnicas adequadas e uma mini-retífica, liberando assim o dedo do jovem sem ferimentos.

Foto: Divulgação (Corpo de Bombeiros)

No ano de 2020, O Corpo de Bombeiros em Patos de Minas registrou 18 ocorrências desta natureza, mas a frequência deste tipo de incidente é muito maior, visto que nesta estatística citada foram contabilizados apenas os casos onde os bombeiros realizaram o atendimento e registraram a ocorrência, ou seja, não estão incluídos os casos onde as pessoas vão direto aos hospitais ou conseguem retirar o anel em casa com a ajuda de parentes.

A orientação é que caso um anel esteja muito justo no dedo, ele seja retirado imediatamente antes do dedo inchar. Caso contrário, pode haver o estrangulamento do dedo dificultando a circulação sanguínea no local e aumentando cada vez mais o inchaço, sendo necessário o corte emergencial do anel para evitar maiores complicações.

QUAL SUA OPINIÃO? COMENTE!

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
A responsabilidade pelos comentários é dos respectivos autores. Eles não representam a opinião do Patos Notícias. Comentários com 15 votos negativos a mais que positivos são removidos.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

REPORTAR ERRO

Usamos cookies para exibir anúncios e conteúdos com base em suas preferências.  Conheça nossa política de privacidade e nossos termos de uso.