Jovem é cruelmente assassinada em Uberlândia e companheiro é flagrado com faca tentando se matar

O homicídio bárbaro aconteceu nesta madrugada. O suspeito foi socorrido e permanece internado sob escolta policial. Polícia Civil apura o caso.
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Uma execução a sangue frio e cruel aconteceu na madrugada desta terça-feira (30/01) no Bairro Monte Hebron em Uberlândia. De acordo com informações obtidas pelo Triângulo Notícias junto a Polícia Militar, uma mulher de 24 anos foi encontrada morta por seu irmão.

A jovem foi morta a sangue frio com vários golpes de faca. O autor seria o companheiro da vítima. A mulher morava com o companheiro, o irmão e os dois filhos de 3 e 6 anos idade. Os menores estavam no interior da residência e ouviram os gritos da mãe.

- Continua depois da publicidade -

Segundo o registro de ocorrência, o irmão acordou com gritos vindo da sala da casa e ao chegar no cômodo encontrou a mulher caída sob um colchão envolta em muito sangue. Sentado no sofá estaria o suposto autor. Ele estava segurando uma faca e provoca ferimentos em seu corpo, numa espécie de tentativa de suicídio.

Daniele Rodrigues Vieira de 24 anos não resistiu aos múltiplos ferimentos e faleceu no local. De acordo com a perícia, a vítima apresentava as estrutura internas dilaceradas e expostas, além de várias perfurações pelo corpo.

O companheiro e principal suspeito estava com um corte profundo no pescoço e perfurações no tórax. Ele foi socorrido e encaminhado ao Hospital das Clínicas da Universidade Federal de Uberlândia, onde permanece internado sob escolta policial. Segundo os médicos, ele não corre risco de vida.

As crianças foram retiradas da casa e foram entregues para uma amiga da vítima. O irmão prestou depoimento.

Um inquérito será instaurado pela Polícia Civil e a motivação seria passional.

QUAL SUA OPINIÃO ? COMENTE!

Os comentários não refletem a opinião do portal. Não nos responsabilizamos por eles e em caso de descontentamento use a opção “Denunciar ao Facebook”. Você está sujeito aos nossos Termos de Uso.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

- Continua depois da publicidade -