Homem morre na maior cachoeira de Minas Gerais

A suspeita é que a vítima tenha caído do alto da cachoeira.
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Foto: Rafael dos Reis – CC – Wikipedia

Mais um acidente em cachoeira foi registrado em Minas Gerais na última sexta-feira (22). De acordo com o Corpo de Bombeiros, a vítima, do sexo masculino, foi encontrada boiando no poço da Cachoeira do Tabuleiro, distrito de Conceição do Mato Dentro, região do Alto do Jequitinhonha.

Uma das hipóteses é que o homem tenha caído do alto da cachoeira. A queda d’água é a mais alta do estado e a terceira maior do país.

A administração do parque emitiu uma nota a respeito do fato. Confira a seguir:

Não há registro de que este homem tenha passado pela portaria. Segundo informações apuradas com moradores do Distrito do Tabuleiro, o homem foi visto na região e teria dito que era de Curitiba. Imediatamente, o Corpo de Bombeiros foi acionado. Não foram encontrados documentos com ele.

Até na manhã deste domingo (24), a identidade da vítima não havia sido divulgada à imprensa. O Corpo de Bombeiros orienta a respeito das precauções na hora de nadar.

Escolha do local para nadar

  • Procure um local conhecido por você ou por outra pessoa, desde que ela o acompanhe.
  • Não ultrapasse faixas e placas de avisos.
  • Não entre em locais onde há avisos de perigo de morte ou em águas poluídas.
  • Procure sempre local onde existe a presença de Guarda-Vidas, ou o Corpo de Bombeiros.

Mudança de comportamentos

  • Evite nadar sozinho;
  • Não tome bebida alcólica antes de entrar na água;
  • Não se afaste da margem;
  • Não salte de locais elevados para dentro da água;
  • Não tente salvar pessoas em afogamento sem estar devidamente habilitado;
  • Prefira lançar flutuadores para salvar pessoas ao invés da ação corpo a corpo;
  • Identifique nas proximidades a existência do salva-vidas e permaneça próximo a ele;
  • Evite brincadeiras de mau gosto (“caldos”, “trotes”, “saltos”);
  • Acate as orientações dos Bombeiros ou dos Salva-vidas;
  • Não abuse se aventurando perigosamente;
  • Não deixe as crianças sozinhas;
  • Evite navegar com carga em excesso;
  • Só deixe entrar na embarcação pessoas usando coletes salva-vidas;
  • Somente conduza embarcações se for habilitado para tal.

QUAL SUA OPINIÃO ? COMENTE!

Os comentários não refletem a opinião do portal. Não nos responsabilizamos por eles e em caso de descontentamento use a opção “Denunciar ao Facebook”. Você está sujeito aos nossos Termos de Uso.

NOTÍCIAS RELACIONADAS