Homem é morto a tiros em estrada vicinal no Elza Amuí II em Uberaba

A Polícia trabalha com duas hipóteses, bala perdida ou execução.
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
A vítima faleceu no local.
Foto: Reprodução

Um homem de 31 anos morreu no final da tarde de ontem, segunda-feira (27/11), em uma estrada vicinal próxima a Penitenciária de Uberaba. De acordo com informações da Polícia Militar, as guarnições estava realizando um cerco a criminosos que assaltaram uma loja no Bairro Elza Amuí quando foram notificados que um indivíduo estaria caído ao solo sem vida.

Os PMs compareceu ao local juntamente com o Corpo de Bombeiros, porém não foi constatado sinais vitais. A perícia técnica da Polícia Civil procedeu com os trabalhos forenses, identificando a vítima como Fernando Roberto Ribeiro.

Ele estava acompanhado de outros dois amigos. Os três estavam em uma Casa de Recuperação de Dependentes Químicos e deixaram o local por volta das 17:30. Logo após, tiros foram ouvidos. A princípio o trio pensou que fosse foguetes, porém instantes depois um projétil atingiu fatalmente Fernando.

De acordo com uma das testemunhas, a vítima havia tido que não poderia transitar nas redondezas do Bairro Tutunas, dando a entender que o mesmo estava sendo ameaçado.

A perita da Polícia Civil também disse conhecer o rapaz, porém sem nenhuma ratificação oficial. O corpo foi encaminhado ao IML (Instituto Médico Legal), onde foi procedida a necropsia.

As investigações ficarão a cargo da PC que irá apurar se Fernando foi morto por uma bala perdida ou se foi vítima de uma execução.

QUAL SUA OPINIÃO? COMENTE!

Os comentários não refletem a opinião do portal. A responsabilidade dos comentários é integralmente de seus autores. O Patos Notícias se reserva ao direito de remover postagens que violem seus termos de uso ou as leis vigentes sem prévia notificação.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

REPORTAR ERRO

Sua privacidade é muito importante pra nós! Usamos cookies, rastreadores, para exibir anúncios e conteúdos com base em suas preferências. Os cookies não permitem acesso a informações particulares, como nome, endereço, etc. Conheça nossa política de privacidade e nossos termos de uso.