Homem é morto e suspeito furta milho antes de ser preso

Segundo a Polícia Militar, o crime pode ter tido motivação passional. O suspeito foi preso, juntamente com um colega, após furtarem milho.
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
WhatsApp Image 2019-02-11 at 07.36.46.jpeg
Foto: Divulgação (Polícia Militar/MG)

No final da tarde do último domingo (10), a Polícia Miliar compareceu em um bar localizado na Rua Santa Cruz em Guarda dos Ferreiros.

Segundo informações dos militares, a guarnição constatou que a vítima, Marcelo da Silva, 25 anos, natural de Marimbondo/AL, estava com sangramento abundante, sendo procedido o socorro imediato e repassado via rede rádio as características do suspeito

A guarnição realizou rastreamento e localizou o suspeito, um homem de 36 anos, natural de Esperantinópolis/MA, às margens da BR 354, o qual foi abordado e preso em flagrante delito.

A arma do crime, uma faca, foi apreendida, e constatado que o delito foi cometido supostamente por razões passionais, sendo o objeto da discórdia seria a proprietária do estabelecimento.

Os envolvidos estavam sob forte efeito de álcool. Foi verificado ainda que após o homicídio, o suspeito teria praticado furto de milho em uma propriedade rural, crime este cometido junto com outro homem de 35 anos, natural de Codó/MA.

A vítima não resistiu aos ferimentos e veio a óbito no Pronto Socorro Municipal de São Gotardo, sendo o corpo encaminhado para o IML em Patos de Minas através do serviço funerário.

Os suspeitos do homicídio e furto de milho foram encaminhados para a Delegacia de Polícia Civil em Patos de Minas, juntamente com o material apreendido.

🔔 ATIVAR NOTIFICAÇÕES

QUAL SUA OPINIÃO? COMENTE!

Os comentários não representam a opinião do Patos Notícias. A responsabilidade pelos comentários é dos respectivos autores.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

NEWSLETTER

REPORTAR ERRO

Sua privacidade é muito importante pra nós! Usamos cookies, rastreadores, para exibir anúncios e conteúdos com base em suas preferências. Os cookies não permitem acesso a informações particulares, como nome, endereço, etc. Conheça nossa política de privacidade e nossos termos de uso.