Grêmio goleia e assume liderança do grupo 1 da Libertadores

Santos perde para o Nacional, mas garante classificação para as oitavas de final.
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Foto: Lucas Uebel

Passeio em grande estilo e classificação mesmo com derrota. Esse foi o desempenho dos times brasileiros que entraram em campo nesta terça-feira (1º) pela fase de grupos da Copa Libertadores.

O Grêmio entrou em campo em busca da liderança do grupo. O adversário, o Cerro Porteño, do Paraguai, não queria perder a ponta da tabela para os brasileiros. Com marcação forte, os paraguaios conseguiram o Grêmio por cerca de 28 minutos. Jael acertou bom passe para Everton, que invadiu a área e abriu o placar para o Imortal. A massa gremista, ainda em êxtase com o gol, viu a equipe aumentar a vantagem em dois minutos, depois que Cortez cruzou e Ramiro desviou de cabeça para o fundo das redes. Com dois golpes em pouco tempo, o Grêmio controlou o jogo até o intervalo.

Os donos da casa aproveitaram o apoio da torcida e a distração da equipe adversária para aumentar o placar. Logo aos quatro minutos da etapa final, Jael marcou o terceiro gol do time gaúcho. Éverton, aos 29, transformou a vitória em goleada e Cícero, aos 37, sacramentou o passeio da equipe comandada por Renato Portaluppi. Final, Grêmio cinco, Cerro Porteño zero. Com o resultado, a equipe gaúcha assumiu a liderança do grupo um, com oito pontos, e já está com um pé e meio nas oitavas de final.

Quem garantiu a classificação antes mesmo de entrar em campo foi o Santos. Após o empate sem gols entre Real Garcilaso, do Peru, e o Estudiantes de La Plata, da Argentina, o Peixe garantiu matematicamente a presença nas oitavas de final. Mais relaxado, a condição pareceu ter tirarão a atenção do plantel alvinegro. De maneira apática, o time brasileiro jogou fora de casa contra o Nacional, do Uruguai, e não repetiu as boas atuações das rodadas anteriores. Sem criatividade e desatento, o time comandado por Jair Ventura praticamente não ofereceu riscos aos donos da casa, que se não criavam boas tentativas, ao menos chegavam à meta de Vanderlei com mais facilidade. Até que depois de tanto insistir, o time uruguaio foi coroado com um gol de Leandro Barcia, aos 12 da segunda etapa. Placar final, Nacional um, Santos zero. Apesar da derrota, o Santos permanece líder do grupo seis com nove pontos e se junta ao Palmeiras como o segundo time brasileiro a carimbar vaga no mata-mata.

E nesta quarta (2), a bola continua rolando pelo campeonato mais importante da América do Sul, com direito a duelo de brasileiros. Em São Januário, o desesperado Vasco recebe o Cruzeiro. A equipe cruzmaltina precisa da vitória a qualquer custo para ter uma sobrevida competição. Já a Raposa quer a vitória para encostar no Racing, líder da chave.

Quem também entra em campo é o Corinthians. O Timão joga em casa contra o Independiente, da Argentina. Líder do grupo sete, o Timão busca uma vitória para garantir uma vaga entre os 16 melhores.

E a quarta-feira também será de emoção pela Copa do Brasil. Duas partidas dão continuidade aos jogos de ida das oitavas de final do torneio. No Independência, o Atlético Mineiro terá de enfrentar a Chapecoense. Em Campinas, a Ponte Preta recebe o Flamengo, que busca retomar de vez a confiança do torcedor.

Reportagem, Raphael Costa

QUAL SUA OPINIÃO ? COMENTE!

Os comentários não refletem a opinião do portal. Não nos responsabilizamos por eles e em caso de descontentamento use a opção “Denunciar ao Facebook”. Você está sujeito aos nossos Termos de Uso.

NOTÍCIAS RELACIONADAS