Governo de Minas Gerais institui gabinete para acompanhar efeitos da greve de caminhoneiros

Compartilhe

COMPARTILHE NAS REDES SOCIAIS!
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram

O Governo de Minas Gerais, por meio do Gabinete Militar do Governador e da Coordenadoria Estadual de Defesa Civil (Cedec), criou nesta quarta-feira (23/5) um Gabinete de Crise para acompanhar a paralisação dos caminheiros e traçar as ações de preparação e prevenção necessárias, bem como estabelecer canais de comunicação para celeridade nas ações de resposta à eventos críticos que possam ocorrer.

A criação do Gabinete foi uma determinação do governador Fernando Pimentel. A reunião que criou o grupo foi conduzida pelo chefe do Gabinete Militar do Governador e Coordenador Estadual da Defesa Civil (Cedec), coronel Fernando Antônio Arantes.  

Presente à reunião, o tenente-coronel PM Wagner Alan de Mattos,  representando o Comandante Geral da PMMG, disse que a Polícia Militar está acompanhando as manifestações por meio do serviço de inteligência e alinhando informações com o DEER.

O Gabinete é integrado por representantes do Gabinete Militar do Governador, da Coordenadoria Estadual de Defesa Civil e das secretarias de Governo (Segov), de Saúde (SES-MG), de Transportes e Obras Públicas (Setop), de Educação (SEE), de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa), e de Segurança Pública (Sesp).

Compõem o grupo, ainda, o Departamento de Edificações Estradas de Rodagem (DEER), Cemig, Copasa, Polícia Militar, Corpo de Bombeiros Militar, Polícia Civil, Instituto Mineiro de Agropecuária (IMA) e Polícia Rodoviária Federal (PRF).

Fonte: Agência Minas

🔔 ATIVAR NOTIFICAÇÕES

QUAL SUA OPINIÃO? COMENTE!

Comments System WIDGET PACK

Os comentários não representam a opinião do Patos Notícias. A responsabilidade pelos comentários é dos respectivos autores.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

NEWSLETTER

REPORTAR ERRO

Sua privacidade é muito importante pra nós! Usamos cookies, rastreadores, para exibir anúncios e conteúdos com base em suas preferências. Os cookies não permitem acesso a informações particulares, como nome, endereço, etc. Conheça nossa política de privacidade e nossos termos de uso.